Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

19 Junho de 2019 | 18h25 - Actualizado em 19 Junho de 2019 | 18h25

Sociólogo defende estudo profundo sobre poder tradicional

Luanda - O sociólogo Pedro Maria advogou, nesta quarta-feira, em Luanda, a necessidade de antropólogos, juristas, historiadores, sociólogos, entre outros especialistas, realizarem estudos profundos sobre o poder tradicional e a sucessão dos seus líderes.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Em declarações à Angop, à margem do III Encontro Nacional sobre as Autoridades Tradicionais, que encerrou hoje, o sociólogo disse que esse estudo pode ajudar reduzir o caso da proliferação de autoridades tradicionais sem a observância do Direito Consuetudinário.

Segundo Pedro Maria, deve haver estudos, mapeamentos, levantamentos e investigações científicas aturadas para criação de instrumentos legais adequados para se inibir a proliferação deste grupo duvidoso de autoridades tradicionais.

No seu entender, a proliferação deste grupo deve-se a falta de organização da sociedade, da sã convivência social, do respeito pelas comunidades bem como, do oportunismo de certas pessoas.

Por sua vez, o também sociólogo Simão Helena lembrou que a sucessão dos líderes da autoridade tradicional deve ser pela linhagem e não por opções políticas, grau de amizade ou compadrio.

 “As autoridades tradicionais são aquelas em que o indivíduo é investido e reconhecido pelo direito costumeiro, tendo deste modo sobre sua tutela a comunidade e um território para administrar”, explicou.

Referiu as autoridades tradicionais devem estabelecer regulamentos para efectuar-se o processo de transição do legado e assim evitarem o aparecimento de falsos sobas, em determinadas regiões.

Durante o encontro, que teve a duração de dois dias, os participantes abordaram questões relacionadas com os modelos de articulação entre as administrações locais e as autoridades tradicionais, esperando-se propostas tendentes a melhorar a organização das actividades, num contexto de mudanças social e política.

Assuntos Encontro  

Leia também
  • 19/09/2018 18:50:18

    Angola no fórum das mulheres da EuroAsia

    Luanda - A ministra da Cultura, Carolina Cerqueira, participa desde hoje, quarta-feira, em São Petersburgo, na Rússia, no II Fórum das Mulheres da EuroAsia.

  • 07/07/2017 17:31:49

    Guitarrista Simmoms Massini promove workshop "Optimização de talento"

    Luanda - O guitarrista angolano Simmoms Massini vai promover sábado (8), em Luanda, um workshop intitulado "Optimização de talento", para ajudar a potencializar as qualidades de artistas, produtores musicais e empresários do sector.

  • 20/06/2017 18:13:34

    Centralidade do Kilamba alberga festival DSTV Júnior

    Luanda - A Centralidade do Kilamba, província de Luanda, vai acolher de 23 a 25 de Junho, desse ano, a 2ª edição do Festival DSTV Júnior, cujas receitas do evento vão reverter-se a favor do lar El Betel, localizado no Zango, município de Viana.