Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

22 Fevereiro de 2020 | 07h48 - Actualizado em 22 Fevereiro de 2020 | 07h48

Resenha Cultural: Morte de Kueno Ayonda e preparativos do Carnaval marcam semana

Luanda - A morte do músico angolano Kueno Ayonda, vítima de doença, e os preparativos para 42ª edição do Carnaval marcaram a semana que hoje, sábado, termina.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Kueno Ayonda estava internado no Hospital Américo Boavida onde recebia assistência médica.

Relativamente ao Carnaval, ao longo da semana, o país acompanhou a preparação das colectivdades para os desfiles que começam na tarde deste sábado em vários palcos.

No domínio literário, o país cultural ficou marcado com a conquista, por parte do escritor Pepetela, do Prémio Literário Casino da Póvoa 2020, com o livro "Sua Excelência de Corpo Presente".

O prémio é atribuído no âmbito do encontro literário Correntes d'Escritas, na Póvoa de Varzim, em Portugal, anunciou a organização.

Musicalmente, a midia fez referencia, durante a semana, ao lançamento do Angola Vídeo Music Awords (VMAS) 2020, que vai contar com 22 categorias, mais seis em relação a I edição realizada em 2019.

O evento tem como objectivo prestigiar anualmente os melhores videoclipes de artistas nacionais e internacionais de sucesso em Angola e os profissionais do audiovisual com foco na impulsão e incremento da industrial musical audiovisual.

No mundo do teatro, destacou-se a realização de uma mesa redonda sob o lema "Cobertura da media nas sessões de teatro e ausência de programa na TV especializada em teatro", destinado a se traçar estratégias para melhorar a divulgação dos seus trabalhos.

No encontro, organizado pelo espaço cultural "Há teatro no Camões", no auditório Pepetela, do Centro Cultural Português, os fazedores teatrais consideraram imperioso a emancipação dos autores e encenadores, no que se refere a formação, para uma melhor comunicação.

A assinatura de um acordo de um memorando entre o Museu Nacional de Antropologia, a Alliance Française e o Goethe Institut para a promoção, divulgação e valorização do património cultural angolano fez, igualmente, manchete noticiosa na semana.

O memorando assinado vai contribuir para a preservação, restauro e divulgação do acervo museológico do Museu Nacional de Antropologia.

Assuntos Angola  

Leia também