Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

29 Novembro de 2013 | 17h50 - Actualizado em 29 Novembro de 2013 | 17h50

Moxico: MPLA exorta a preservação da paz e reconciliação nacional como um bens comuns

Luena - O MPLA no Moxico exortou hoje, sexta-feira, a população em geral a preservar a paz e a reconciliação nacional que se vive no país, como bens comuns e que custaram sacrifícios de milhares de angolanos.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

A exortação vem expressa numa nota do Comité Provincial do MPLA entregue à Angop, por ocasião das comemorações dos 57 anos da fundação daquele partido maioritário em Angola, a assinalar – se no dia 10 de Dezembro próximo.

O documento persuade cada angolano independentemente da sua filiação política ou religiosa no sentido de trabalhar para preservar as conquistas alcançadas, promovendo o sentimento de amor à pátria e valorizar os aspectos socioculturais e históricos do povo angolano.

O Comité Provincial do MPLA considera que o percurso histórico do partido, então Movimento de Libertação Nacional, desde a sua fundação a 10 de Dezembro de 1956, até a data presente, sempre foi marcado por acções gloriosas, cujas memorias jamais serão esquecidas e dão mostras do quão poderoso é o partido no poder, lê-se na nota.

“O país está a desenvolver graças ao empenho do partido que tem a liderança daquele que tem sido o verdadeiro defensor da paz, democracia e da estabilidade política e socioeconómico, o Presidente José Eduardo dos Santos, a quem encorajam a prosseguir com a mesma determinação”, enaltece o documento.

As comemorações do 57º aniversário do MPLA decorrem sob o lema “MPLA- Angola a crescer mais e a distribuir melhor, para os militantes do partido e das suas organizações sociais (JMPLA e OMA) devem envolver-se  activamente nas acções  programadas, para demonstrar a dimensão política que a data representa, lê-se na exortação.

O MPLA foi fundado a 10 de Dezembro de 1956 a partir da fusão de coligações anti-coloniais, na altura e iniciou a sua acção em 1961 Entre os finais dos anos de 1950, princípios de 1960 agruparam-se as principais figuras do nacionalismo angolano entre estudantes no exterior, sobretudo em Portugal e lutadores contra o colonialismo  que fugiam do interior de  Angola.

Assuntos MPLA   Província » Moxico  

Leia também
  • 09/02/2019 18:39:25

    MPLA no Uíge destaca reformas que moralizam sociedade e desenvolve país

    Uíge - O primeiro secretário do Comité Provincial do Uíge do MPLA, Pinda Simão, destacou hoje (sábado), as reformas políticas em curso no país para abertura democrática e as medidas para a moralização da sociedade e promoção do desenvolvimento económico, com vista a melhoria das condições de vida da população a curto prazo.

  • 09/02/2019 16:38:11

    MPLA considera ingentes desafios políticos para 2019

    Mbanza Kongo - A proposta da realização do VII congresso extraordinário do MPLA para os próximos tempos, assim como das eleições autárquicas previstas para 2020, constituem os grandes desafios do partido para este ano.

  • 09/02/2019 11:14:48

    MPLA lança Agenda Política 2019 no município de Moçâmedes

    Moçâmedes - O Comité Provincial do MPLA no Namibe lançou hoje, sábado, no município de Moçâmedes, a sua Agenda Politica 2019, em acto presidido pelo primeiro secretário provincial, Carlos da Rocha Cruz.

  • 09/02/2019 08:11:23

    UNITA intensifica mobilização para eleições autárquicas

    Luena - A UNITA, maior partido na oposição, está a intensificar as actividades de mobilização da população dos municípios de Camanongue, Luacano, Cameia e Léua, província do Moxico, no âmbito da preparação das eleições autárquicas, previstas para 2020 no país.