Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

27 Janeiro de 2017 | 21h12 - Actualizado em 27 Janeiro de 2017 | 21h12

Angola: PRS confirma Congresso em Março

Luanda - O secretário-geral do Partido de Renovação Social (PRS), Benedito Daniel, reafirmou nesta sexta-feira, em Luanda, a pretensão do partido em realizar o Congresso em Março próximo, no quadro de uma decisão tomada pelo seu Comité Nacional.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Secretário-geral do Partido de Renovação Social (PRS), Benedito Daniel (arq)

Foto: Pedro Parente

"Já estamos a trabalhar para a realização do Congresso e queremos tranquilizar os militantes e amigos do partido, que este evento vai ser concretizado", declarou.

Em declarações à Angop, o político não avançou o número de delegados previstos.

Explicou que o mandato da direcção ainda em funções foi conferido em Maio de 2012, mas por razões estratégicas o partido achou melhor não realizar o Congresso  em anos eleitorais.

Assim, explicou, reuniu o seu Comité Nacional, em Novembro de 2014, fez a auscultação para que o mesmo fosse realizado em 2016, período  que também não aconteceu, "por razoe alheias".

Informou que o Comité Nacional do PRS voltou a reunir em Novembro de 2016 e decidiu a realização do Conclave  em Março deste ano.

Benedito  Daniel admitiu que há insatisfação de alguns membros que defendem que o congresso devia ser realizado nos prazos anteriormente fixados, mas pediu ponderação, tendo em conta as exigências do Conclave.

"Não vamos partir para um congresso só porque os membros querem. O congresso requer preparação, revisão das normas estatutárias, legislativas e outros pressupostos", defendeu-se.

Sustentou que está consciente de ter terminado já o mandado dos membros ainda em funções no partido.

Questionado sobre a ausência do presidente do partido, Eduardo Kuangana, explicou que esteve sempre activo e continua a trabalhar em prol desta formação política.

Quanto aos candidatos à presidência  deste partido, terceira força da oposição, Benedito Daniel avançou que a comissão preparatória criada para a preparação do congresso será responsável pela recepção, análise e aprovação dos nomes dos candidatos ao cargo.

O congressos poderá contar com um mínimo de três e um máximo de quatro candidaturas, de acordo com as normas deste partido.

O Partido de Renovação Social já lançou a sua pré-campanha, em Novembro, nas províncias de Luanda e Huambo, faltando nas restantes.

Assuntos Angola   Congresso   PRS  

Leia também