Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

11 Novembro de 2017 | 15h06 - Actualizado em 11 Novembro de 2017 | 15h05

Cunene: Independência foi a atitude mais importante da história do país, diz Kundi Paihama

Ondjiva - A luta pela independência nacional constitui a atitude mais importante de coragem e bravura da história do povo angolano, afirmou hoje, sábado, em Ondjiva, o governador provincial do Cunene, Kundi Paihama.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Cunene: Governador Kundi Paihama

Foto: José Cachiva

O governante que falava no acto das celebrações dos 42 anos da proclamação da independência nacional a 11 de Novembro de 1975, pelo primeiro presidente de Angola, António Agostinho Neto, disse que constitui a maior conquista do povo angolano, um facto que custou muito sangue, suor e lágrimas, dos melhores filhos da nação, durante várias gerações.

Kundi Paihama acrescentou que a data resulta do espírito de coragem, disciplina, vigilância, vontade de ser livre que foi determinante para que os nacionalistas angolanos pudessem consentir grandes sacrifícios para hoje o povo angolano pode-se viver em liberdade.

"Graças a esses heróis hoje Angola tornou-se numa nação soberana, cujas comemorações da independência constitui gratidão daqueles filhos que derramaram o seu sangue, em especial ao primeiro Presidente de Angola, António Agostinho Neto "sustentou.

Para homenagear os heróis deste grande feito, admitiu que os angolanos devem dar o seu contributo no processo de desenvolvimento em curso, trabalhar pela unidade, pela paz, democracia e desenvolvimento socio-económico e harmonioso.

Acrescentou ainda a necessidade de reconhecer e agradecer os povos e governos amigos que nos ofereceram apoio moral, material e diplomático durante a luta de resistência e conquista da liberdade.

Sob o lema”Unidos por uma Angola Democrática, Una Indivisível" o acto foi marcado com a entrega de estímulos aos antigos combatentes, momentos musico-culturais e varias mensagens

Leia também
  • 08/11/2018 06:07:24

    Governo retoma projecto de assentamento dos vatuas

    Oncocua - Oito anos depois da sua paralisação, o projecto de assentamento e inclusão social e produtiva da etnia vatuas no município do Curoca vai retomar em 2019, disse quarta-feira, em Oncocua, o director da Agricultura no Cunene, Pedro Tibério.

  • 08/11/2018 06:02:08

    Cunene: Bornito de Sousa promete desenvolvimento do Curoca

    Curoca - O vice-presidente da República, Bornito de Sousa, declarou nesta quarta-feira que o Executivo vai implementar um conjunto de programas para o desenvolvimento económico e social do município do Curoca, localizado a 333 quilómetros a oeste da capital do Cunene, Ondjiva.

  • 08/11/2018 06:01:13

    Cunene: Água condiciona desenvolvimento

    Curoca - O governador do Cunene, Virgílio da Ressurreição Tyova, apontou nesta terça-feira como solução para o desenvolvimento da província e o assentamento das populações a construção de canais a céu aberto para transportação de água dos rios para o interior dos municípios.

  • 08/11/2018 06:00:22

    Cunene: Executivo perspectiva repovoamento de pequenos ruminantes

    Curoca - O Executivo tem em vista o desenvolvimento de um programa de repovoamento com pequenos ruminantes, essencialmente caprino no município do Curoca, província do Cunene, informou nesta terça-feira o secretário para a Agricultura e Floresta, Carlos Alberto.