Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

14 Novembro de 2017 | 18h49 - Actualizado em 14 Novembro de 2017 | 18h49

Uíge: ONG Halo Trust destroi armamento recolhido em posse da população civil

Uíge - Duzentas sessenta e três armas de fogo diversas recolhidas de forma coersiva da posse da população civil, pela comissão provincial de desarmamento, nos últimos dois anos, foram destruídas, esta terça-feira, pela organização não governamental americana The Halo Trust.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Constam entre as armas destruídas, em cerimónia orientada pela vice-governadora para sector Político, Solcial e Económico, Catarina Pedro Domingos, mauser, carabinas, pistolas, caçadeiras de fabrico artesanal, lança granadas, RPG7,  RKM, FN, granadas, OG7, AKM, G3  e Z-84.

Pronunciando-se no acto, a vice-governadora Catarina Pedro Domingos destacou o empenho abnegado do Comando da Região Militar Norte e da Polícia Nacional na recolha do armamento em posse da população civil.

Pediu às pessoas que possuem ainda armas de fogo em sua posse a entregá-las de forma voluntaria aos órgãos da defesa e segurança, com vista a reduzir o número de mortes com recurso a este meio.

“É preciso que cada cidadão tenha a ideia de que não deve ter uma arma de fogo em sua casa, na sua lavra, na esquina ou em qualquer lugar não autorizado”, refereiu a vice-governadora.

De 2008 a 2015  foram destruídas 9.346 armas diversas recolhidas em posse da população civil, no quadro do programa de desarmamento da população.

Fonte da Comissão Provincial de Desarmamento disse à Angop que foram recolhidas, desde o início do processo a nível da província do Uíge, 10.508 armas diversas e 2.686 explosivos.

Leia também
  • 01/11/2018 20:11:43

    Cunene acolhe acto nacional do 11 de Novembro

    Ondjiva - A cidade de Ondjiva, sede capital da província do Cunene, acolhe o acto central do 43ª aniversário da independência nacional, a assinalar no próximo dia 11 de Novembro.

  • 21/10/2018 03:55:56

    Uíge: Político repudia vandalização de bens públicos na província

    Uíge - O Primeiro Secretário municipal do Uíge do MPLA, Carlos Alberto David, condenou sábado, na aldeia do Dambi, 28 quilómetros da cidade do Uíge, os actos de vandalismo de bens públicos que se registam nos últimos tempos na província.

  • 16/10/2018 18:35:08

    Responsável pede trabalho árduo dos militantes

    Uíge - O coordenador do grupo de acompanhamento do comité provincial do MPLA ao município do Mucaba, António Victorino, pediu hoje, terça-feira, aos militantes do partido na circunscrição para que trabalhem arduamente na preparação das eleições autárquicas, a realizarem-se pela primeira vez em Angola em 2020.

  • 14/10/2018 16:01:30

    1º Secretário do MPLA no Uíge quer maior organização para as eleições autárquicas

    Uíge - O Primeiro Secretário Provincial do MPLA, no Uíge, Pinda Simão, defendeu, nesta cidade, a necessidade de maior organização dos militantes, para uma melhor preparação à vitória do Partido nas eleições autárquicas, a serem realizadas em 2020, no país.