Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

01 Março de 2017 | 09h49 - Actualizado em 01 Março de 2017 | 09h48

Bié: Província carece de 100 novos postos de identificação civil

Cuito - A província do Bié, centro de Angola, continua carecer de pelo menos cem novos postos de identificação civil e criminal, visando atender de forma célere as populações, essencialmente para o Bilhete de Identidade.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

De acordo com uma nota informativa, que à Angop teve acesso nesta quarta-feira actualmente a província controla apenas seis postos de identificação civil, dos 100 necessários, que estão disponíveis para atender mais de um milhão de habitantes.

Sem avançar os dados comparativos, entre 2012 a 2017, lê-se no documento, foram imitidos 198 mil 733 Bilhetes de Identidade, tendo salientado a necessidade do redobrar de mais esforços para corresponder com a procura dos serviços por parte das populações.    

A província, segundo o documento, tem nove conservatórias de registo civil e igual número de cartórios notariais.

Durante o ano de 2016, acrescenta o informe, foram emitidos 39 mil 288 registos de nascimento, 784 casamentos celebrados, 45 mil 94 pedidos de certidão, bem como emitidos dois mil 240 certidões de óbito.

O sector da justiça, revela a nota, controla 371 funcionários, destes 10 juízes, 15 advogados, tendo salientado que para melhorar os serviços aquela instituição necessita de 18 magistrados (juízes e procuradores).

Estão em pleno funcionamento apenas dois tribunais, nos municípios do Cuito e Andulo, respectivamente, estando ser equipado outro igualmente na circunscrição do Cuito.

A província do Bié, com um milhão, 455 mil habitantes (maioritariamente camponesa), distribuídos em nove municípios e 30 comunas.

Assuntos Justiça   Província » Bié  

Leia também
  • 06/02/2019 19:42:52

    Audição de Norberto Garcia só na quinta-feira

    Luanda - Ao contrário do que se previa para hoje (quarta-feira), o interrogatório do réu Norberto Garcia foi adiado para quinta-feira, último dia da semana da audição no caso “Burla Tailandesa”, devido ao alongamento do tempo das discussões e audição desta quarta-feira.

  • 06/02/2019 19:32:06

    Réus do caso "Burla Tailandesa" reafirmam confiança em advogado

    Luanda - Os réus tailandeses Raveeroj Ritchoteanan, Manin Wanitchanon e Theera Buapeng e a angolana Celeste de Brito, arrolados no processo da "Burla Tailandesa", decidiram hoje (quarta-feira) manter o advogado Carlos Salumbongo, que estava a ser acusado de conflitos de interesse, pelo seu colega Sérgio Raimundo.

  • 06/02/2019 19:05:56

    Angola e Itália incrementam cooperação

    Luanda - Um Memorando de Entendimento, que visa reforçar a cooperação económica entre Angola e a Itália, foi rubricado esta quarta-feira, em Luanda, pelo Ministério das Finanças e pela Cassa Depositi e Prestiti, uma instituição financeira daquele país europeu.

  • 05/02/2019 20:22:19

    Advogados divergem na "Burla Tailandesa"

    Luanda - O advogado dos réus Arsénio Manuel e André Roy no Caso Burla Tailandesa, Sérgio Raimundo, acusou o colega de profissão Carlos Salumbongo de estar em conflito de interesses, por defender os réus tailandeses e uma angolana, que se encontram em rota de colisão.