Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

05 Abril de 2017 | 21h13 - Actualizado em 06 Abril de 2017 | 13h48

Angola: UNITA saúda angolanos pela participação no registo eleitoral

Luanda - A UNITA, o segundo maior partido angolano, saudou, esta quarta-feira, em Luanda, o povo angolano pela sua participação massiva no registo eleitoral.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Vitorino Nhany, Secretario do Presidente da UNITA para os assuntos eleitorais.

Foto: Alberto Julião

A mega operação de actualização dos dados eleitorais e o registo, pela primeira vez, de novos eleitores decorreu em todo o país entre 25 de Agosto de 2016 e 31 de Março de 2017.

Do processo, resultou a contabilização de mais de nove milhões de eleitores, aptos para depositarem o seu voto nas eleições gerais de Agosto próximo.

Apesar da saudação, a formação partidária aponta uma série de “insuficiências”, que, no seu entender, podem colocar em causa a lisura e a transparência das eleições.

A posição da UNITA vem expressa numa “Declaração sobre o processo de registo eleitoral”, lida pelo porta-voz do partido, o deputado Alcides Sakala Simões.

Este último foi secundado por um pronunciamento, na mesma direcção, do secretário do Presidente da UNITA para os Assuntos Eleitorais, Vitorino Nhany.

Perante as alegadas “insuficiências”, a UNITA defende uma “auditoria especializada” ao processo de registo eleitoral.

Pede que a comunidade internacional venha acompanhar e observar as eleições gerais em Angola.

Esta última exigência, de resto, tem sido uma prática usual nos anteriores pleitos eleitorais realizados no país.

Assuntos Angola   Eleições   Política  

Leia também