Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

16 Julho de 2017 | 19h38 - Actualizado em 17 Julho de 2017 | 08h16

Eleições 2017/Namibe: UNITA realiza acto de massas em Moçâmedes

Moçâmedes - A UNITA realizou hoje, domingo, na província do Namibe, um acto político de massas para apresentação do manifesto eleitoral, o programa de governo, o posicionamento no boletim de voto e o seu candidato às eleições de 23 de Agosto, Isaías Samakuva.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Namibe:Isaias Samakuva no Namibe

Foto: Frederico Herculano

No acto, decorrido no largo José de Espírito Santo, em Moçâmedes, Isaías Samakuva apontou a criação de políticas de empregos nos vários sectores da vida económica e social, para os angolanos, sobretudo, a juventude.

Perante militantes, simpatizantes e amigos da UNITA, Samakuva salientou que "o sector da agricultura poderá ser um dos principais factores-chave para empregar os mais jovens e, assim, alavancar a área económica do país".

“Temos apenas de incentivar os nossos cidadãos a trabalhar a terra. Para tal, é necessário apoiá-los com meios agrícolas, trabalharem a terra e cultivarem produtos para o seu próprio sustento e, pouco a pouco, melhorarem o seu nível de vida”, salientou o líder da UNITA.

Defendeu ainda a aposta em aéreas como a construção e reabilitação de estradas, "com emprego de mão-de-obra angolana, em detrimento de estrangeiros, que devem ficar apenas para auxiliar nos meios de alta tecnologia, onde o cidadão poderá tirar proveito de algum conhecimento".

Reafirmou igualmente a sua pretensão de melhorar o salário mínimo da função pública, proposto para um valor de 500 dólares, sendo "preciso apostar na exploração dos recursos minerais, espalhados pelo território angolano.

Na área habitacional, defendeu a revisão da política de aquisição de residências para os cidadãos, bem como a sua comercialização.

Leia também
  • 17/07/2017 15:44:30

    Eleições/2017: CPE capacita formadores para mesas de assembleias de voto no Bengo

    Caxito - Doze formadores provinciais, que vão treinar os membros das mesas das assembleias de voto, participam a partir desta segunda-feira, 17, em Caxito, numa formação sobre o manuseamento do equipamento eleitoral e dos conteúdos teóricos de votação e apuramento dos resultados.

  • 17/07/2017 15:39:00

    Eleições/2017: JMPLA apela ao civismo no Uíge

    Uíge- A JMPLA apelou neste domingo à população, especialmente aos jovens do município do Bembe, a afluir em massa às assembleias de voto com urbanidade e responsabilidade.

  • 17/07/2017 15:02:14

    Eleições/2017: MPLA quer mobilização mais intensa no Huambo

    Caála- O primeiro secretário provincial do MPLA no Huambo, João Baptista Kussumua, orientou nesta segunda-feira a intensificação das campanhas de mobilização dos militantes, para uma participação massiva nas eleições gerais de 2017.

  • 17/07/2017 14:31:37

    Eleições/2017: MPLA esclarece militantes no Bié sobre boletim de voto

    Chinguar - Os membros do comité do MPLA no município do Chinguar (Bié) promoveram, hoje (Segunda-feira), uma campanha de esclarecimento aos militantes e eleitores sobre as cores da bandeira do partido, o posicionamento no boletim de voto e a imagem do seu candidato à Presidente da República, João Lourenço.