Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

17 Julho de 2017 | 20h06 - Actualizado em 18 Julho de 2017 | 13h31

Namibe: Polónia disponibiliza 60 milhões de dólares para 3ª fase da Academia de Pescas

Moçamedes - O governo polaco vai disponibilizar 60 milhões de dólares norte-americanos, para a conclusão da 3ª fase do projecto da Academia de Pescas e Ciências do Mar do Namibe, inaugurada nesta segunda-feira pelo vice-presidente da República, Manuel Domingos Vicente.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Academia de Pescas e Ciências do Mar do Namibe

Foto: Clemente

Vice-presidente da República concede audiência ao embaixador polaco em Angola

Foto: Clemente dos Santos

A informação foi avançada pelo embaixador da Polónia acreditado em Angola, Piotr Josef Myhiwiec, no final da audiência que lhe foi concedida pelo vice-presidente da República, Manuel Vicente, a quem manifestou satisfação pelo arranque das aulas na academia, considerada uma das maiores de África.

O diplomata polaco, que considerou o projecto como sendo um bom modelo de cooperação entre os dois povos amigos, afirmou que o acordo para a execução da 3ª fase do projecto já foi assinado entre as partes.

Fez saber que o ministério de tutela vai definir as obras que serão executadas na última fase, que deverão englobar, essencialmente, a construção do navio-escola, do centro desportivo e a criação de infra-estruturas para o empreendedorismo, uma vez que a Academia, enquanto instituição do ensino superior, também deve fazer investigação e pesquisa.

Anunciou, igualmente, a vinda de técnicos polacos do sector para fortificar o projecto, a par da transferência de tecnologias.

De acordo com o diplomata, o governo polaco tem ainda em carteira a execução de novos projectos em Angola, fundamentalmente na área da educação, tendo, com efeito, sido já firmado um acordo de cooperação com a Universidade Kimpa Vita, na província do Uige, e a Universidade de Cracóvia.

No âmbito das duas fases do projecto: a primeira de 2009 a 2011 e a segunda de 2013 a 2016, foi construído a Academia de Pescas e Ciências do Mar, que conta com várias estruturas especializadas como o centro de resgate e salvamento, laboratório de mecânica naval, conjuntos de simuladores e 30 laboratórios em diferentes áreas.

Os trabalhos foram realizados pela empresa polaca Navimor, em cooperação com vários subempreiteiros da Polónia, China e de Angola.

O valor global do projecto está orçado em 111 milhões de dólares norte-americanos, dos quais 37 milhões financiados pelo governo polaco e 74 pelo governo angolano.

A Academia de Pescas e Ciências do Mar do Namibe é uma instituição do ensino superior ligada ao sector das Pescas, que tem como objectivo principal a formação de especialistas e técnicos seniores na área das pescas e ciências do mar da República de Angola.

A instituição é constituída por três faculdades, nomeadamente a de Pescas, de Processamento de Pescado e a de Exploração de Recursos Aquáticos.

A médio e longo prazos, estes serviços podem ser extensivos aos cidadãos da Comunidade para o Desenvolvimento da África Austral (SADC).

Assuntos Cooperação  

Leia também
  • 14/07/2017 20:08:25

    Angola: Delegação ministerial sul-africana termina visita

    Luanda - A delegação ministerial sul-africana chefiada pela ministra dos Negócios Estrangeiros, Maite Nkoana-Mashabane, deixou, ao princípio da noite de hoje Luanda, no termo da visita de dois dias que efectuou a Angola.

  • 14/07/2017 19:04:36

    Defendido aperfeiçoamento do mecanismo de cooperação entre Angola e África do Sul

    Luanda - O aperfeiçoamento dos mecanismos institucionais e instrumentos jurídicos de cooperação, para facilitar o enquadramento e a dinamização das acções de cooperação entre as repúblicas de Angola e da África do Sul, foi defendido nesta sexta-feira, em Luanda, pelo ministro das Relações Exteriores, Georges Chikoti.

  • 13/07/2017 23:47:46

    Ministros afinam instrumentos para operacionalização do Mecanismo Tripartido

    Luanda - Os ministros responsáveis pelas diplomacias de Angola, Georges Chikoti, África do Sul, Maite Nkoana-Mashabane, e República Democrática do Congo (RDC), Léonard She Okitundu, afinaram os instrumentos para operacionalização do Mecanismo Tripartido de Diálogo e Cooperação entre os três países.