Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

13 Outubro de 2017 | 15h32 - Actualizado em 13 Outubro de 2017 | 15h31

Governador apela ao trabalho em equipa

Mbanza Kongo - Uma maior dedicação e trabalho em equipa para a materialização de vários projectos de impacto social em prol das populações da região foi que defendeu esta sexta-feira, no Zaire, o governador provincial, José Joanes André, ao dirigir-se aos novos membros do governo.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Zaire: Governador José Joanes André

Foto: Pedro Moniz Vidal

Ao intervir na cerimónia de empossamento dos novos quadros por si nomeados na quinta-feira, Joanes André assegurou que o novo mandato (2017/2022) exigirá a cada gestor público mais trabalho e espírito de entrega, visando materializar as acções gizadas superiormente.

“A nossa marca é o trabalho de equipa. Em função dos desafios que nos esperam serei mais exigente para a satisfação das necessidades das nossas populações”, reiterou.

Segundo o governador, mais atenção será dada aos sectores da educação e saúde, duas áreas chaves para catapultar o desenvolvimento da região.

Falando especificamente para o sector da saúde, o governante insistiu que mais fiscalização será feita para se debelar as constantes rupturas de medicamentos que se verificam nas unidades sanitárias da província.

Apelou aos administradores municipais e directores dos gabinetes provinciais a desburocratizarem os serviços públicos para um atendimento eficiente aos cidadãos.

Para além dos quadros reconduzidos, tomaram também posse os novos administradores municipais do Nzeto e Tomboco, nomeadamente Casimiro Ricardo e Alberto António dos Santos, respectivamente.

Leia também
  • 30/01/2019 18:32:34

    SME recolhe estrangeiros em situação migratória ilegal

    Soyo - Duzentos e treze cidadãos da República Democrática do Congo (RDC), que viviam ilegalmente no município do Soyo, província do Zaire, foram recolhidos e repatriados hoje, quarta-feira, pelo Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) na região.

  • 29/01/2019 17:16:49

    SME expulsa estrangeiros por irregularidades migratórias

    Mbanza Kongo - Cinquenta e nove cidadãos da República Democrática do Congo (RDC) foram expulsos nesta segunda-feira, pelo Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) na província do Zaire, por entrada ilegal no território nacional.

  • 23/01/2019 11:00:44

    Polícia detém 289 violadores de fronteira

    Mbanza Kongo - A Polícia de Guarda Fronteira (PGF) na província do Zaire deteve, nos últimos sete dias, 289 cidadãos da República Democrática do Congo (RDC) por tentativa de violação do perímetro fronteiriço que separa esta parcela do território nacional da região do Congo Central.

  • 22/01/2019 12:04:56

    Dirigente quer mais capacidade de liderança dos militantes

    Mbanza Kongo - Maior capacidade de liderança e espírito de missão recomenda-se aos militantes do Mpla no município de Mbanza Kongo, província do Zaire, para garantir a vitória do partido nas próximas eleições autárquicas, marcadas para 2020.