Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

04 Fevereiro de 2018 | 17h04 - Actualizado em 04 Fevereiro de 2018 | 17h03

Cunene: Homenageados cidadãos que resistiram na batalha da Cahama

Ondjiva - Uma visita ao cemitério, onde repousam os 25 antigos combatentes pertencentes à segunda Brigada da ex-Forças Armadas Populares de Libertação de Angola (FAPLA), no município da Cahama, marcou neste domingo, em Ondjiva, as comemorações do 57º aniversário do início da luta armada de libertação nacional na província do Cunene.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Cunene: Monumento aos Heróis da CAHAMA

Foto: Rosário dos Santos

De acordo com o programa que a Angop teve hoje (domingo) acesso, a par do cemitério será igualmente realizada visita ao Bunke,r onde a 13 de Junho de 1984, o ex-presidente da República José Eduardo dos Santos, na qualidade de Comandante-em-Chefe, deslocou-se ao Comando da 2ª Brigada das FAPLA estacionada na Cahama, com o objectivo de confraternizar-se com os soldados que defendiam com bravura essa parcela do território nacional.

Sob o lema” Gloria Interna aos Heróis da Pátria”, as celebrações da data será igualmente marcada com um acto politico de massas na sede do município que dista 187 quilómetros a norte da cidade de Ondjiva, a ser orientado pelo governador Kundi Paihama,

A sensibilização da sociedade para o empenho em tarefas que visam a consolidação da paz, reconciliação nacional e reconstrução do país, bem como reverenciar as personalidades ligadas ao 04 de Fevereiro de 1961 e fortalecer em cada angolano o sentimento patriótico, constituem alguns dos principais objectivos da celebração da data.

O município da Cahama, frecorde-se, foi considerado durante sete anos, palco da batalha de resistência da ocupação sul-africana no país.

Leia também
  • 06/02/2019 06:14:15

    Defendido estudos científicos sobre vida e obra de rei Mandume

    Oihole- A necessidade da realização de estudos científicos sobre a vida e obra do rei Mandume-ya-Ndemufayo, último soberano do reinado dos Ovakwanyama, no Cunene, foi defendido, terça-feira, pelo vice-governador para os Serviços Técnicos e Infra-estrutura, Feliciano Himulova.

  • 02/02/2019 19:21:13

    Cunene: SME expulsa estrangeiros por irregularidade migratória

    Ondjiva - Quatro cidadãos namibianos e um centro-africano , em situação migratória ilegal na província do Cunene, foram expulsos do país nos últimos sete dias, através do posto fronteiriço de Santa-Clara.

  • 30/01/2019 18:28:47

    Recomendada tradução dos manuais sobre direitos humanos

    Ondjiva - A tradução dos manuais e folhetos informativos sobre os direitos humanos em línguas nacionais foi recomendada esta quarta-feira, em Ondjiva (Cunene), pelos membros do Comité de Direitos Humanos na região.

  • 28/01/2019 13:46:07

    Governo busca soluções para combate à seca no Cunene

    Ondjiva - O governo angolano está a avaliar a seca no Cunene, um problema cíclico que afecta, pelo menos, 284 mil 780 pessoas, numa região que tem 990 mil e 87 habitantes.