Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

14 Fevereiro de 2018 | 20h41 - Actualizado em 15 Fevereiro de 2018 | 11h55

PR empossa governadora do Bengo e consultores

Luanda - O Presidente da República, João Lourenço, conferiu, nesta quarta-feira, posse à nova governadora da província do Bengo, Mara Quiosa, vários consultores do seu gabinete e administradores não executivos do Fundo Soberano de Angola e da companhia aérea TAAG.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Presidente da República, João Lourenço, confere posse a governadora do Bengo, consultores e vice -governador do Cuanza Norte

Foto: Pedro Parente

Presidente da República, João Lourenço, confere posse a governadora do Bengo, consultores e vice-governador do Cuanza Norte

Foto: Pedro Parente

No Palácio Presidencial, os empossados juraram fidelidade à pátria, cooperar na realização dos fins superiores do Estado, defender os princípios fundamentais da ordem estabelecida na Constituição, respeitar e fazer respeitar as leis, realizar com zelo e dedicação as funções para as quais foram nomeados e combater a corrupção e o nepotismo.

Na ocasião, o estadista disse esperar que a nova governadora do Bengo, por ser mulher e jovem, corresponda às expectativas.

Por outro, justificou que os consultores empossados são individualidades com provas dadas por onde passaram nos domínios como os da justiça, petróleos e cultura.

Disse que tratar-se de quadros com um nível respeitável, chegando mesmo a ministros, e com energias que não devem ser desperdiçadas.

Por este motivo, espera que os seus consultores ponham ao serviço da nação os seus conhecimentos, sobretudo a experiência que os longos anos de trabalho lhes conferiram para ajudar na governação do país.   

Foram empossados consultores do Presidente da República Albina Assis Pereira Africano, Ana Maria de Oliveira, Assunção Afonso de Sousa dos Anjos, João Baptista Chindandi, José Maria Botelho de Vasconcelos, Paulo Fernando Matos, Paulo Tjipilica, e Santana André Pitra.

O Titular do Poder Executivo concedeu também posse Ismael Abraão Gaspar Martins para o cargo de Administrador Não Executivo do Fundo Soberano de Angola e Lourenço Manuel Gomes Neto para o cargo de Administrador Não Executivo da TAAG-EP.

O vice-governador da província do Cuanza-Norte para os Serviços Técnicos e Infra-Estruturas, Mendonça Luís, foi igualmente investido.

A cerimónia foi testemunhada pelo vice-presidente da República, Bornito de Sousa, ministros de Estados, ministros e altos funcionários da presidência da República.

Leia também
  • 01/09/2018 15:59:26

    Sociedade avalia Presidente João Lourenço

    Luanda - O Presidente da República de Angola, João Lourenço, completa, a 26 deste mês, o primeiro aniversário desde que foi investido no cargo, numa altura em que será também já o líder máximo do MPLA.

  • 27/08/2018 08:55:59

    Resenha: Deslocação do PR à Alemanha é destaque da semana

    Luanda - A deslocação do Presidente da República, João Lourenço, à Alemanha, onde durante dois dias manteve encontros com a chanceler Angela Merkel, e o Presidente da Alemanha, Frank-Walter Steinmeier, constitui destaque do noticiário político produzido pela Angop nos últimos sete dias.

  • 07/08/2018 22:22:30

    Presidente do Zimbabwe toma posse domingo

    Harare (Dos enviados especiais) - Dezenas de chefes de Estado e de Governo são aguardados, nos próximos dias, em Harare (Zimbabwe), a fim de participarem na cerimónia de tomada de posse do Presidente eleito, Emmerson Mnangagwa, marcada para às 10h30 de domingo, dia 12.

  • 03/08/2018 16:25:31

    RDC continua a contar com apoio de Angola

    Luanda - A República Democrática do Congo (RDC) vai continuar a contar com o apoio de Angola em todos os domínios e no reforço das relações bilaterais, económicas, comerciais e político-diplomáticas, afirmou hoje (sexta-feira) o ministro das Relações Exteriores, Manuel Augusto.