Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

12 Novembro de 2018 | 11h04 - Actualizado em 12 Novembro de 2018 | 11h04

Expulsos 26 cidadãos da RDC por estadia ilegal

Mbanza Kongo - Vinte e seis cidadãos da República Democrática do Congo (RDC) foram repatriados, nos últimos sete dias, pelo Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) na província do Zaire, por irregularidades migratórias.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Zaire: Posto fronteiriço fluvial de Kimbumba (SOYO)

Foto: João F. Cuti

Deste número, 16 cidadãos saíram através do posto fronteiriço do Luvo, 60 quilómetros a norte da cidade de Mbanza Kongo, seis a partir da fronteira terrestre do Nóqui e quatro pelo posto de travessia fluvial do Kimbumba, no município do Soyo, indica uma nota do SME enviada hoje, segunda-feira, à Angop.

Segundo ainda o documento, no mesmo período, o Serviço de Migração e Estrangeiros recusou a entrada no território nacional de 33 cidadãos deste país vizinho, por falta de documentos de viagem válidos e meios de subsistência.

Da cifra, 24 cidadãos foram rejeitados a partir do posto fronteiriço do Luvo, sete no município do Nóqui e dois na comuna fronteiriça do Buela (Cuimba), tendo sido emitidos 338 passes de travessia para os cidadãos nacionais que se deslocaram à RDC, por diversos motivos.

Quanto ao movimento migratório, a nota indica que durante o período em análise, verificou-se a entrada de 280 cidadãos nacionais provenientes deste país vizinho, bem com a saída de 400 outros compatriotas.

No que tange a cidadãos estrangeiros, assistiu-se a entrada oficial no território nacional de 71 cidadãos da RDC, assim como a saída de 35 outros.

Quatro municípios da província do Zaire partilham fronteira com a região do Congo Central (RDC), nomeadamente Mbanza Kongo, Soyo, Cuimba e Nóqui.

    

Leia também
  • 12/11/2018 13:49:49

    Movimento migratório nos postos fronteiriços com a RDC tende a reduzir

    Mbanza Kongo - Doze mil e 222 cidadãos nacionais saíram para a República Democrática do Congo (RDC), através dos diferentes postos fronteiriços da província do Zaire, durante o I semestre do ano em curso, menos 22 mil e 253 comparativamente ao período homólogo de 2017.

  • 03/11/2018 12:03:36

    SME recusa entrada de estrangeiros por irregularidades migratórias

    Mbanza Kongo - O Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) na província do Zaire recusou, nos últimos sete dias, a entrada no território nacional de 65 cidadãos da República Democrática do Congo (RDC), por falta de documentos de viagem válidos e meios de subsistência.

  • 02/11/2018 11:11:54

    Tribunal militar condena dois agentes da polícia nacional

    Mbanza Kongo - Dois agentes da Polícia Nacional residentes no município de Mbanza Kongo, província do Zaire, foram na quinta-feira condenados a um e três meses de prisão correccional efectiva, pelo Tribunal Militar local.