Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

10 Dezembro de 2018 | 11h48 - Actualizado em 10 Dezembro de 2018 | 13h18

SME rejeita entrada de estrangeiros por irregularidades migratórias

Mbanza Kongo - O Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) na província do Zaire recusou, nos últimos sete dias, a entrada no território nacional, de 25 cidadãos da República Democrática do Congo (RDC), por irregularidades migratórias.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Zaire: Posto fronteiriço fluvial de Kimbumba (SOYO)

Foto: João F. Cuti

Comparativamente à semana passada verificou-se um aumento de cinco cidadãos deste país vizinho rejeitados a entrar no país, por falta de documentos de viagem válidos e meios de subsistência, indica uma nota deste órgão enviada hoje, segunda-feira, à Angop, em Mbanza Kongo.

De acordo com o documento, deste número, 22 estrangeiros foram impedidos a partir do posto fronteiriço do Luvo, 60 quilómetros a Norte da cidade de Mbanza Kongo e três no município do Nóqui.

No quadro das acções de controlo e fiscalização de estrangeiros em situação migratória ilegal foram interpelados e detidos nos municípios de Mbanza Kongo, Soyo, Nzeto e Nóqui, 61 cidadãos de nacionalidades diversas, destes 58 congoleses democráticos, um indiano, um nigeriano e um sul-africano.

 Foram expulsos para o país de origem através das fronteiras do Luvo, Nóqui e Kimbumba (Soyo), 96 cidadãos da RDC, sendo três por decisão judicial e 93 por medidas administrativas.

A província do Zaire partilha 330 quilómetros de fronteira com a região do Congo Central, RDC.

Assuntos Província » Zaire   SME  

Leia também
  • 10/12/2018 13:07:20

    Serviço de Migração expulsa mais de mil ilegais

    Luanda - Mil e cento e dez cidadãos estrangeiros foram expulsos, de Angola, no decorrer da última semana, pelo Serviço de Migração e Estrangeiros (SME), mais 304 pessoas em relação aos sete dias anteriores.

  • 07/12/2018 21:52:21

    Zaire: FNLA e Governo mantêm relações cordiais

    Mbanza Kongo - O secretário provincial adjunto da FNLA no Zaire, António Makiese, afirmou, nesta sexta-feira, em Mbanza Kongo, que as relações entre aquele partido e o Governo local são cordiais e têm permitido a concertação regular de opiniões.

  • 07/12/2018 18:16:30

    Político pede mais coesão no seio do partido

    Mbanza Kongo - A necessidade do reforço da coesão interna nas fileiras do MPLA foi reforçada hoje, sexta-feira, em Mbanza Kongo, pelo membro do comité central e coordenador adjunto do grupo de acompanhamento do secretariado do bureau político ao Zaire, Fernando Kaquarta.