Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

10 Dezembro de 2018 | 11h48 - Actualizado em 10 Dezembro de 2018 | 13h18

SME rejeita entrada de estrangeiros por irregularidades migratórias

Mbanza Kongo - O Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) na província do Zaire recusou, nos últimos sete dias, a entrada no território nacional, de 25 cidadãos da República Democrática do Congo (RDC), por irregularidades migratórias.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Zaire: Posto fronteiriço fluvial de Kimbumba (SOYO)

Foto: João F. Cuti

Comparativamente à semana passada verificou-se um aumento de cinco cidadãos deste país vizinho rejeitados a entrar no país, por falta de documentos de viagem válidos e meios de subsistência, indica uma nota deste órgão enviada hoje, segunda-feira, à Angop, em Mbanza Kongo.

De acordo com o documento, deste número, 22 estrangeiros foram impedidos a partir do posto fronteiriço do Luvo, 60 quilómetros a Norte da cidade de Mbanza Kongo e três no município do Nóqui.

No quadro das acções de controlo e fiscalização de estrangeiros em situação migratória ilegal foram interpelados e detidos nos municípios de Mbanza Kongo, Soyo, Nzeto e Nóqui, 61 cidadãos de nacionalidades diversas, destes 58 congoleses democráticos, um indiano, um nigeriano e um sul-africano.

 Foram expulsos para o país de origem através das fronteiras do Luvo, Nóqui e Kimbumba (Soyo), 96 cidadãos da RDC, sendo três por decisão judicial e 93 por medidas administrativas.

A província do Zaire partilha 330 quilómetros de fronteira com a região do Congo Central, RDC.

Assuntos Província » Zaire   SME  

Leia também
  • 30/01/2019 18:32:34

    SME recolhe estrangeiros em situação migratória ilegal

    Soyo - Duzentos e treze cidadãos da República Democrática do Congo (RDC), que viviam ilegalmente no município do Soyo, província do Zaire, foram recolhidos e repatriados hoje, quarta-feira, pelo Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) na região.

  • 29/01/2019 17:16:49

    SME expulsa estrangeiros por irregularidades migratórias

    Mbanza Kongo - Cinquenta e nove cidadãos da República Democrática do Congo (RDC) foram expulsos nesta segunda-feira, pelo Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) na província do Zaire, por entrada ilegal no território nacional.

  • 23/01/2019 11:00:44

    Polícia detém 289 violadores de fronteira

    Mbanza Kongo - A Polícia de Guarda Fronteira (PGF) na província do Zaire deteve, nos últimos sete dias, 289 cidadãos da República Democrática do Congo (RDC) por tentativa de violação do perímetro fronteiriço que separa esta parcela do território nacional da região do Congo Central.

  • 22/01/2019 14:40:36

    SME expulsa de Angola mais de dois mil ilegais

    Luanda - O Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) expulsou, na última semana, de Angola, dois mil e 248 cidadãos de várias nacionalidades por decisão administrativa e judicial, mais mil e 200 expulsões em relação a semana anterior.