Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

14 Março de 2018 | 17h53 - Actualizado em 14 Março de 2018 | 17h53

Jovens devem valorizar papel dos antigos combatentes

Mbanza Kongo - O dia da Expansão da Luta Armada de Libertação Nacional, 15 de Março, é uma data que deve servir para os angolanos, em especial a nova geração, reverenciar todos aqueles que se bateram em prol da liberdade e independência nacional.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Este posicionamento consta de uma nota de exortação do governo provincial do Zaire enviada hoje (quarta-feira) à Angop, em Mbanza Kongo, em alusão à data que se assinala nesta quinta-feira em todo o país.

O pelouro de José Joanes André apela, na sua nota, à uma reflexão em torno dos sacrifícios consentidos pelos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria, augurando, por isso, maior envolvimento da população da região nas celebrações do 15 de Março, com espírito de unidade, sentimento patriótico, solidariedade e liberdade.

“O governo do Zaire continua firme para o cumprimento da sua missão de acrescer um valor na prossecução do interesse público e na resolução dos problemas mais candentes dos cidadãos”, lê-se ainda na nota de exortação.

O acto provincial do 15 de Março, que este ano vai ser assinalado sob o lema “15 de Março-Razão da Liberdade, Paz e Prosperidade do Povo Angolano”, terá lugar na cidade de Mbanza Kongo.
 

Leia também
  • 02/02/2019 16:50:15

    Sobreviventes exigem reposição da placa roubada no marco histórico

    Cazenga - Os sobreviventes do " 4 de Fevereiro de 1961" exigem a reposição da placa de bronze, com os nomes dos nacionalistas participantes no ataque as cadeias coloniais, roubada no ano passado no marco histórico construído, no município do Cazenga (Luanda), em sua homenagem.

  • 30/01/2019 18:32:34

    SME recolhe estrangeiros em situação migratória ilegal

    Soyo - Duzentos e treze cidadãos da República Democrática do Congo (RDC), que viviam ilegalmente no município do Soyo, província do Zaire, foram recolhidos e repatriados hoje, quarta-feira, pelo Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) na região.

  • 29/01/2019 17:16:49

    SME expulsa estrangeiros por irregularidades migratórias

    Mbanza Kongo - Cinquenta e nove cidadãos da República Democrática do Congo (RDC) foram expulsos nesta segunda-feira, pelo Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) na província do Zaire, por entrada ilegal no território nacional.

  • 23/01/2019 11:00:44

    Polícia detém 289 violadores de fronteira

    Mbanza Kongo - A Polícia de Guarda Fronteira (PGF) na província do Zaire deteve, nos últimos sete dias, 289 cidadãos da República Democrática do Congo (RDC) por tentativa de violação do perímetro fronteiriço que separa esta parcela do território nacional da região do Congo Central.