Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

13 Abril de 2018 | 19h21 - Actualizado em 13 Abril de 2018 | 19h20

MPLA exorta jovens a continuarem o seu papel histórico

Luanda - A juventude angolana foi exortada, esta sexta-feira, a continuar a desempenhar o seu papel histórico e diferenciado, como o tem feito ao longo de todo o processo de desenvolvimento de Angola.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Bandeira do MPLA

Foto: angop

Numa declaração tornada pública hoje, a propósito do 14 de Abril, Dia da Juventude Angola, o Bureau Político do MPLA estende o seu abraço fraterno e patriótico a todos os jovens angolanos.

No documento, o partido no poder em Angola defende a existência no país de uma juventude cada vez mais instruída, do ponto de vista académico, e que possua uma cultura vasta e diversificada, que procure e promova valores nacionais comuns, com respeito pela diferença das várias comunidades socioculturais, condição que considera primária para o desenvolvimento da angolanidade.

Refere ainda que o MPLA continuará a promover a educação dos jovens para o amor à Pátria, o respeito dos valores e tradições do povo angolano, incentivando à cultura da democracia e dos ideais da paz, da liberdade, do trabalho e da justiça social, mediante a prática dos princípios do humanismo e da solidariedade.

De igual modo, salienta que, no quadro do cumprimento do seu Programa de Governo, referente ao período 2017/2022 e para proporcionar um apoio integral à juventude angolana, o MPLA continuará a promover a inserção destes no mercado de trabalho, privilegiando programas e instrumentos de suporte ao primeiro emprego, ao auto-emprego e ao empreendedorismo.

Para tal, acrescenta a nota do partido, o MPLA continuará a valorizar programas de estágios e de formação profissional para jovens, complementado com planos da sua inserção no mercado, mediante mecanismos de avaliação periódica das necessidades de força de trabalho, nos diversos sectores públicos e privados da economia angolana.  

Descreve que a valorização dos jovens e a sua inclusão na vida económica e social do País exigirá a redefinição de prioridades e projectos do Plano Nacional de Desenvolvimento da Juventude, o que pressupõe melhorar a sua qualidade de vida, designadamente, ao nível da respectiva condição de saúde, do acesso à habitação e do seu envolvimento nos grandes objectivos da democracia participativa e do desenvolvimento de Angola.

Na nota, refere também que Angola precisa de jovens saudáveis, bem preparados e com elevado espírito empreendedor, capazes de, com o seu trabalho e iniciativa, ajudá-la a crescer e a transformar-se num país onde valha a pena viver.

Neste contexto, argumenta que a juventude está no centro das atenções do MPLA e apostar nela é sustentar o futuro e o progresso de Angola.

Por este facto, o Bureau Político do MPLA dirige uma palavra de gratidão à JMPLA, a maior organização juvenil do país, pelo seu papel dinâmico, forte, coeso e aglutinador, em prol da educação patriótica de muitas gerações de jovens, que, ao longo dos anos, têm sabido servir a Pátria, com zelo e dedicação.

Assuntos Celebração  

Leia também
  • 05/04/2018 01:01:24

    Governador quer unidade para a preservação da paz

    Uíge - O governador provincial do Uíge, Pinda Simão, defendeu ,quarta-feira, na cidade de Negage, 37 quilómetros da sede capital da província, o reforço contínuo do espírito de maior unidade nacional e fraternidade entre os angolanos para a manutenção da paz no país.

  • 12/02/2018 18:25:27

    Nacionalista alerta para valorização dos heróis nacionais

    Lisboa (Da correspondente) - Os jovens angolanos residentes em Portugal foram aconselhados hoje, segunda-feira, em Lisboa, pelo ex-guerrilheiro António Armanda a valorizar os esforços dos heróis do 4 de Fevereiro e de todos os nacionalistas, que tudo deram para a auto-determinação do povo e o progresso do país.

  • 04/02/2018 17:04:14

    Cunene: Homenageados cidadãos que resistiram na batalha da Cahama

    Ondjiva - Uma visita ao cemitério, onde repousam os 25 antigos combatentes pertencentes à segunda Brigada da ex-Forças Armadas Populares de Libertação de Angola (FAPLA), no município da Cahama, marcou neste domingo, em Ondjiva, as comemorações do 57º aniversário do início da luta armada de libertação nacional na província do Cunene.