Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

13 Abril de 2018 | 17h41 - Actualizado em 13 Abril de 2018 | 17h40

Tribunal julga 181 processos- crime no primeiro trimestre deste ano

Mbanza Kongo - Cento e oitenta e um processos-crime, 50 dos quais transitados do quarto trimestre de 2017, foram julgados de Janeiro a Março deste ano pelo Tribunal Provincial do Zaire, fez saber hoje, sexta-feira, em Mbanza Kongo, o Juiz Presidente, Eugênio Domingos.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Zaire: Eugênio Domingos - Juíz presidente do Tribunal provincial

Foto: Pedro Moniz Vidal

O magistrado, que falava na abertura da I reunião ordinária da comissão provincial de coordenação judicial, disse haver outros 100 processos de natureza diversa, recebidos no período em balanço, que transitaram para o II trimestre do ano em curso.

Precisou que, dos documentos que transitaram, 65 correspondem a processos contenciosos das áreas cível e administrativo, família e trabalho, ao passo que outros 35 são de natureza criminal.

Sem avançar dados comparativos, o Juiz Presidente disse ter havido celeridade na apreciação destes processos, no período em análise, frisando que este facto está a transmitir maior confiança entre os cidadãos no que a administração da justiça na região diz respeito.

Neste encontro, os membros da comissão provincial de coordenação judicial estão a apreciar, entre outros assuntos, a situação delituosa da região, as jurisdições penal, cível, administrativo, fiscal e aduaneiro, bem como a jurisdição dos menores.

Integram a comissão provincial da justiça, o Tribunal Provincial, a Procuradoria-geral da República, a delegação provincial do Ministério do Interior, a direcção provincial da Acção Social, Família e Promoção da Mulher, Instituto Nacional da Criança (INAC), entre outros organismos.

Leia também
  • 01/02/2019 17:32:46

    Empresária Celeste de Brito mentiu em Tribunal - Fonte próxima do processo

    Luanda - A empresária Celeste de Brito, um dos nomes de relevo do mediático processo "Mega Burla Tailandesa", terá mentido aos juízes no dia em que começou a ser ouvida no Tribunal Supremo, quando afirmou ter mantido dois encontros com o Vice-Presidente da República, Bornito de Sousa.

  • 31/01/2019 18:42:37

    Celeste de Brito rejeita suposto suborno a Norbeto Garcia

    Luanda - A ré Celeste de Brito, arrolada no caso "Burla Tailandesa", rejeitou acusações de ter subornado o co-réu Norbeto Garcia, ex-director da Unidade Técnica de Investimento Privado (UTIP), para auxiliar à entrada ao país de supostos investidores tailandeses.

  • 30/01/2019 18:32:34

    SME recolhe estrangeiros em situação migratória ilegal

    Soyo - Duzentos e treze cidadãos da República Democrática do Congo (RDC), que viviam ilegalmente no município do Soyo, província do Zaire, foram recolhidos e repatriados hoje, quarta-feira, pelo Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) na região.

  • 29/01/2019 17:16:49

    SME expulsa estrangeiros por irregularidades migratórias

    Mbanza Kongo - Cinquenta e nove cidadãos da República Democrática do Congo (RDC) foram expulsos nesta segunda-feira, pelo Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) na província do Zaire, por entrada ilegal no território nacional.