Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

14 Junho de 2018 | 00h38 - Actualizado em 14 Junho de 2018 | 00h39

Auscultações das propostas de leis das autarquias reforçam democracia

Huambo - A auscultação sobre as propostas de leis de implementação das autarquias locais em Angola vão reforçar a democracia e a unidade e nacional, por juntar várias personalidades da sociedade civil na discussão de uma situação relevante para o desenvolvimento do país.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Huambo: Governador João Baptista Kussumua

Foto: VALENTINO YEQUENHA

A consideração foi feita, hoje, pelo  governador do Huambo, João Baptista Kussumua, durante a sessão de apresentação e auscultação do pacote legislativo das autarquias locais aos membros da sociedade civil dos municípios da Caála e Bailundo,  em actos orientados  pelo Ministro da Administração do Território e Reforma  do Estado, Adão de Almeida.

Referi que este exercício é um meio de mobilização dos diversos actores sociais para contribuírem na procura de modelos eficientes de uma administração que sirva os interesses do povo angolano.
 

Na sua visão, o processo está a se desenvolver, de forma tranquila, clara e objectiva, sem sensação de discórdia entre as estruturas da sociedade.

“É um exercício de unidade e democracia. Um trabalho de equipa, onde não está a se relevar os interesses das pessoas, em função das suas convicções partidárias, mas sim a importância de se olhar para um país que se quer desenvolver”, asseverou.

João Baptista Kussumua lembrou aos presentes que o estabelecimento das autarquias, por si só, não vai resolver todos os problemas que os munícipes enfrentam, realçando que as mesmas precisam de mais financiamentos para que possam funcionar correntemente e cumpram com o objectivo de combater às assimetrias regionais e promover o desenvolvimento das comunidades.

Para si, é fundamental que as localidades tenham capacidade de arrecadação de receitas para assegurar o funcionamento das autarquias.

As sessões de apresentação e auscultação da sociedade civil sobre o pacote legislativo sobre as autarquias locais prosseguem quinta-feira a nível do município do Huambo.

Leia também
  • 05/02/2019 05:43:18

    Pinda Simão enaltece sacrifício dos nacionalistas

    Uíge - O governador provincial do Uíge, Pinda Simão, enalteceu o empenho dos heróis de 04 de Fevereiro, que deram à sua vida e consentiram sacrifícios para o alcance da independência nacional.

  • 05/02/2019 00:46:39

    Município de Camacupa ganha novas infraestruturas sociais

    Camacupa - A população do município de Camacupa, província do Bié, ganhou novas infra-estruturas sociais, inauguradas segunda-feira no quadro das celebrações do Dia do início da Luta Armada.

  • 04/02/2019 16:37:21

    Inauguração de vários empreendimentos marca 53º aniversário do início da Luta Armada

    Camanongue - A inauguração de um Jango para os antigos combatentes e veteranos da pátria e do Centro Infantil Comunitário (CIC), hoje, segunda - feira, na sede municipal de Camanongue, pelo governador provincial do Moxico, Gonçalves Muandumba, marcou as comemorações do 53º aniversário do início da luta armada em Angola.

  • 04/02/2019 14:06:33

    Ministro pede união aos angolanos

    Cabinda - O ministro da Administração do Território e Reforma do Estado, Adão de Almeida, pediu nesta segunda-feira, em Cabinda, que os angolanos tenham união e força para vencer os desafios, seguindo o exemplo, a bravura e determinação dos heróis do 4 de Fevereiro de 1961.