Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

05 Setembro de 2018 | 21h57 - Actualizado em 05 Setembro de 2018 | 21h56

Chefe de Estado regressa ao país

Luanda - O Presidente da República, João Lourenço, regressou na noite desta quarta-feira a Luanda, proveniente de Beijing, onde participou no III Fórum de Cooperação China-África (FOCAC), que decorreu nos dias 3 e 4 do mês em curso.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Presidente da República, João Lourenço, chega a Luanda

Foto: Rosario dos Santos

Chegada a Luanda do Presidente da República, João Lourenço,

Foto: Rosario dos Santos

À sua chegada a Luanda, o estadista angolano, acompanhado pela primeira-dama, Ana Dias Lourenço, recebeu cumprimentos de boas-vindas do Vice-presidente da República, Bornito de Sousa, de membros do governo e de altos funcionários do seu gabinete.

Sob o lema “China e África, rumo a uma comunidade cada vez mais forte, com futuro partilhado através da cooperação com ganhos mútuos”, reuniram-se em Beijing mais de 50 dignitários de países africanos, o secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, o presidente da União Africana (UA), Paul Kagame, entre outras entidades convidadas.

O João Lourenço participou pela primeira vez no evento como Presidente da República, cargo para o qual foi eleito, em Agosto de 2017.

A Cimeira adoptou uma declaração de princípios que vai nortear a cooperação China-África e o respectivo plano de acção para o período 2019/2025.

No plano quinquenal, a referida declaração estabelece acções direccionadas aos sectores da agricultura, segurança alimentar, desenvolvimento de infra-estruturas, recursos humanos e transferência de tecnologia.

Entretanto, a grande novidade desta Cimeira é a integração, no plano de acção, de projectos que apontem para uma componente de desenvolvimento com ganhos recíprocos.

Desde sábado em Beijing, João Lourenço reuniu-se com o seu homólogo chinês, Xi Jinping, e com o secretário-geral da ONU, António Guterres.

A cimeira, que acontece pela segunda vez em solo chinês, é uma plataforma de consultas e diálogo colectivo, cujo objectivo é o do fortalecimento de consensos, aprofundamento das relações de amizade, bem como a intensificação e promoção da cooperação.

Leia também
  • 08/11/2018 17:21:25

    Reino Unido confirma financiamento a Angola

    Luanda - A baronesa britânica Lindsay Northover, enviada especial da primeira-ministra, Theresa May, confirmou hoje, quinta-feira, que o governo do seu país tem disponível para Angola financiamento para projectos nos sectores da energia e saúde.

  • 08/11/2018 10:59:47

    Petrolífera ENI reafirma investimento em Angola

    Luanda - A multinacional do sector petrolífero ENI vai continuar a investir em Angola, um mercado onde, nos últimos 12 meses, a empresa registou um aumento da sua produção na ordem dos 50 mil barril/dia.

  • 08/11/2018 10:59:42

    Campus Universitário da UAN retoma obra da Fase 1

    Luanda - Os trabalhos de conclusão da Fase 1 das instalações do Campus Universitário da Universidade Agostinho Neto (UAN), no distrito urbano da Cidade Universitária, à Camama, em Luanda, vão ser retomadas em breve, dependendo unicamente da abertura do respectivo concurso público.

  • 08/11/2018 10:59:35

    PR aprova crédito adicional para Mecanagro e Sopir

    Luanda - Três mil milhões de Kwanzas é o valor do crédito adicional aprovado pelo Presidente da República, João Lourenço, para permitir o pagamento dos salários em atraso e da contribuição devida ao Instituto Nacional de Segurança Social, dos trabalhadores das empresas Mecanagro e Sopir - Sociedade de Desenvolvimento dos Perímetros Irrigados.