Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

12 Setembro de 2018 | 18h40 - Actualizado em 12 Setembro de 2018 | 18h40

Académico recomenda criação de associação das autarquias

Caxito - O docente universitário Eduardo Lisboa defendeu hoje (quarta-feira), em Caxito (Bengo), a necessidade do governo começar a trabalhar na criação de uma Associação das Autarquias Locais, no âmbito da legislação autárquica para o país.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Docente universitário Eduardo Lisboa (à direita)

Foto: foto cedida

Dissertando sobre “a concentração e integração na agenda da descentralização em África, estratégias de Angola no contributo das políticas públicas de desenvolvimento local”, no quadro das celebrações do 17 de Setembro, Dia do Fundador da Nação, informou que a criação da associação das autarquias locais consta das recomendações dos fóruns da União Africana, em que Angola participou.

Realçou que numa altura em que o país se prepara para a implementação das autarquias, deve-se incluir, no pacote da legislação, a possibilidade da existência das autoridades locais.

Para o também mestre em Governação e Gestão Pública, é imperioso que o Estado ratifique a Carta Africana sobre os valores e princípios de descentralização, governação e desenvolvimento Local.

Lembrou que todos os estados africanos devem comemorar o 10 de Agosto como o dia africano da descentralização e do desenvolvimento local, tendo sublinhado que a Carta Africana sobre valores e princípios da descentralização, governação e do desenvolvimento local constitui o principal instrumento de concertação e de integração a nível de África.

Durante a sua dissertação, o docente universitário destacou ainda a estratégia de Angola no contributo para as políticas públicas de desenvolvimento local.

A palestra foi promovida pela Fundação António Agostinho Neto (FAAN) e teve como orador Eduardo Lisboa.

Participaram na mesma, realizada no Auditório General Foguetão, a presidente da FAAN, Maria Eugenia Neto, a governadora provincial do Bengo, Mara Quiosa, membros do governo provincial, docentes e estudantes.

Assuntos Província » Bengo  

Leia também
  • 11/09/2018 19:57:37

    SIC desmantela onze grupos de supostos marginais

    Caxito - Onze grupos de supostos marginais foram desmantelados nos últimos sete dias, no município do Dande, província do Bengo, pelo Serviço de Investigação Criminal (SIC), informou na terça-feira a corporação, em comunicado.

  • 04/09/2018 19:23:38

    Viação e Trânsito passa a emitir entre 70 a 100 cartas de condução e livretes

    Caxito - Entre 70 a 100 Cartas de Condução e Livretes, com o padrão da SADC, passarão a ser emitidos diariamente, na cidade de Caxito (Bengo), após entrada em funcionamento do sistema integrado de emissão, esta terça-feira, numa cerimónia presidida pelo 2º comandante-geral da Polícia Nacional, comissário-chefe Salvador Rodrigues.

  • 04/09/2018 16:22:23

    Governadora pede rigor aos novos directores provinciais

    Caxito - A governadora do Bengo, Mara Quiosa, recomendou maior rigor e inovação aos directores dos gabinetes provinciais da Acção Social, Família e Promoção da Mulher e dos Transportes e Mobilidade Urbana, respectivamente Felisberta da Costa e Cândido Cadifete.