Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

11 Outubro de 2018 | 00h16 - Actualizado em 10 Outubro de 2018 | 19h02

Síntese das principais notícias das últimas 24 horas

Luanda - A Agência Angola Press incluiu na sua emissão das últimas 24 horas, entre outros, os seguintes assuntos:

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Tranquilidade

Beijing - O ministro das Finanças de Angola, Archer Mangueira, esclareceu, em Beijing, que "parte" dos 2 mil milhões de dólares que serão financiados pelo Governo da China "servirá para a regularização da dívida com os credores chineses".

Investimento

Beijing - Sessenta milhões de dólares norte-americanos foram investidos em Angola, nos últimos 20 anos, pela multinacional chinesa Huawei, a terceira maior fabricante de smartphones no Mundo.

Cooperação

Luanda - A Federação Russa manifestou nesta quarta-feira, em Luanda, a intenção de reforçar a cooperação cultural com Angola nos mais variados domínios.

Imprensa

Lubango - A imprensa angolana precisa imprimir uma nova atitude na prática de comunicar, que passe por valorizar as boas práticas, criticar de forma factual e objectiva, assim como denunciar o vandalismo dos bens públicos, defendeu hoje, no Lubango, Huíla, o ministro da Comunicação Social, João Melo.

Reforço

Luanda - A embaixadora da Namíbia em Angola, Grace Ndadaleka Uushona, reafirmou o desejo do fortalecimento da cooperação e dos laços de irmandade entre os dois povos e países.

Satélite

Luanda - Um satélite em miniatura, denominado CANSAT angolano, integrado no volume e na forma de um refrigerante de 330 mililitros, foi apresentado hoje, quarta-feira, em Luanda, pelo secretário de Estado das Telecomunicações, Mário Augusto da Silva Oliveira.

Academia

Luanda - A Academia Angolana de Letras (AAL) manifesta-se contra ratificação do acordo Ortográfico da Língua Portuguesa de 1990, por parte do Estado angolano.

Assuntos Angola  

Leia também