Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

10 Outubro de 2018 | 00h16 - Actualizado em 09 Outubro de 2018 | 18h25

Síntese das principais notícias das últimas 24 horas

Luanda - A Agência Angola Press incluiu na sua emissão das últimas 24 horas, entre outros, os seguintes assuntos:

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Reactivação

Beijing - O Presidente angolano, João Lourenço, solicitou nesta terça-feira, em Beijing, que Angola e a República Popular da China reactivem a Comissão Orientadora para a cooperação económica e comercial.

Juventude

Luanda - Uma delegação angolana chefiada pela ministra da Juventude e Desporto, Ana Paula do Sacramento Neto, participa desde segunda-feira, em Kigali, capital do Ruanda, na Cimeira Africana da Juventude Conectada.

Diamantes

Dundo - Trinta e um mil 742 pedras de diamantes foram apreendidas em sete províncias do país, no quadro da operação transparência, levada a cabo pelo Executivo angolano desde o dia 25 de Setembro último.

Cimeira  

Luanda - O Governador do Banco Nacional de Angola, José de Lima Massano, participou nos dias 7 e 8 do corrente mês, na "Cimeira Africa 2018," em Londres, sob o tema "Africa Means Business", organizada pelo jornal Financial Times.

Justiça

Luanda - A Provedoria de Justiça, instituição mediadora de conflitos, tem recebido um elevado número de queixas relativas a conflitos de terra e de morosidade processuais nos tribunais de primeira instância e Supremo, informou esta terça-feira, em Luanda, o Provedor Carlos Alberto Ferreira Pinto.

Recenseamento

Luanda - O Instituto Nacional de Estatística (INE) realiza, a partir de Novembro deste ano, o teste piloto do Recenseamento Agro-Pecuário e Pescas (RAPP), cuja recolha principal vai decorrer, em todo país, de Maio a Outubro de 2019, soube a Angop.

Assuntos Angola  

Leia também