Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

09 Janeiro de 2019 | 19h40 - Actualizado em 09 Janeiro de 2019 | 20h08

Angola e Congo analisam incremento das relações Parlamentares

Luanda - O incremento das relações entre as repúblicas de Angola e do Congo Brazzaville estiveram, esta quarta-feira, no centro das discussões entre o embaixador angolano naquele país, Vicente Muanda, e o Presidente da Assembleia Nacional, Isidore Mvouba.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

De acordo com uma nota de imprensa da representação diplomática angolana a que a Angop teve acesso, as partes analisaram aspectos relacionados com a cooperação entre os dois Parlamentos e a forma como se pode melhorar as relações entre as duas instituições.

Para o embaixador Vicente Muanda, a diplomacia Parlamentar é uma forma de relacionamento entre os povos, que visa o diálogo dentro dos poderes conferidos aos respectivos Parlamentos para a concretização dos objectivos nacionais, num quadro de respeito mútuo e de complementaridade internacional.

Vicente Muanda e  Isidore Mvouba analisaram também a necessidade de se encontrar formas para o relançamento da cooperação entre os dois parlamentos  e o reforço da cooperação histórica entre ambos  países, cujas relações abrem agora "um novo capítulo".

Os dois interlocutores defenderam uma diplomacia Parlamentar activa, além das fronteiras dos respectivos países, e o reforço das instituições nacionais como um instrumento útil para promover as relações de amizade e cooperação entre os povos. 

Angola e a República do Congo, através dos respectivos  Parlamentos, rubricaram no 1.º semestre de 2004 acordos de cooperação parlamentar que abrange a troca de delegações e de experiências, a coordenação de posições, consultas e intercâmbio de informações no âmbito da participação dos dois órgãos em reuniões e conferências regionais e internacionais  ( o Parlamento Pan-Africano, a União Parlamentar Africana e a União Inter-parlamentar).

O referido acordo prevê igualmente a formação de quadros e a troca de documentação e bibliografia parlamentar. Visa também estreitar e consolidar as relações de amizade e os laços de fraternidade e de solidariedade, no quadro da consolidação da democracia multipartidária e do estado de direito, em ambos países

Assuntos Diplomacia  

Leia também
  • 06/02/2019 18:11:35

    Emmanuel Macron visita Angola em 2019

    Luanda - O embaixador de França acreditado em Angola, Sylvian Itté, anunciou para final de 2019 ou princípio de 2020 a primeira visita do Chefe de Estado francês, Emmanuel Macron, ao país.

  • 25/01/2019 11:06:01

    Ministro das Relações exteriores já no país

    Luanda - O ministro das Relações Exteriores, Manuel Augusto, regressou na madrugada de hoje (dia 25) ao país, depois de ter participado (quinta-feira), em Kinshasa, na investidura de Félix Tshisekedi como novo presidente da República Democrática do Congo (RDC), apurou a Angop no Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro.

  • 22/01/2019 21:50:25

    Angola pode aproveitar experiência cubana no sector do turismo

    Luanda - A República de Cuba pode contribuir na diversificação da economia em Angola, em vários domínios, com destaque para o turismo e serviços de saúde, afirmou hoje, terça-feira, o secretário de estado das relações exteriores, Tete António.

  • 18/01/2019 22:50:33

    Íntegra do discurso do PR ao Corpo Diplomático

    Íntegra do discurso de Sua Excelência João Lourenço, Presidente da República de Angola, na cerimónia de cumprimentos de Ano Novo ao Corpo Diplomático. Luanda, 18 de Janeiro de 2019