Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

12 Janeiro de 2019 | 12h52 - Actualizado em 12 Janeiro de 2019 | 18h08

Governador promete apoio à polícia de guarda fronteira

Mbanza Kongo - O governador provincial do Zaire, Pedro Makita Armando Júlia, afirmou sexta-feira, na comuna do Luvo, 60 quilómetros a Norte da cidade de Mbanza Kongo, que o seu pelouro vai melhorar as condições de trabalho do efectivo da polícia de guarda fronteira destacado ao longo da fronteira.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Cunene: Efetivo da policia de guarda Fronteira

Foto: José Cachiva

Efectivos do Comando da Policia de Guarda de Fronteiras

Em declarações à imprensa, no final de uma visita efectuada aos postos fronteiriços terrestres de Nkama Nguvu e Luvo, afectos à 3ª Unidade da Polícia de Guarda Fronteira (PFG), o governador adiantou que o apoio cingir-se-á na disponibilização de chapas de zinco para a edificação de casernas, bem como a reabilitação das vias de acesso aos postos fronteiriços.

Pedro Makita Júlia, considerou desolador o estado actual dos cerca de 12 quilómetros de estrada (picada) entre a localidade do Dobó e os marcos fronteiriços 16 e 17, na comuna do Luvo, que abarca uma extensão de 11 quilómetros de fronteira.

“Vamos envidar esforços para melhorar as condições de trabalho destes efectivos destacados ao longo da fronteira e que têm a missão de garantir a inviolabilidade das nossas fronteiras”, reiterou o governador.

O chefe do posto fronteiriço de Nkama Nguvu, subinspector Quintas Abrantes Manuel, considerou estável a situação operativa no perímetro sob a sua jurisdição.

Segundo disse, pelo menos duas a três infracções relacionadas à caça furtiva, abate indiscriminado de árvores e pesca ilegal praticadas na sua maioria por cidadãos da RDC são registadas pelos efectivos da corporação destacados naquele perímetro fronteiriço.

Com uma extensão de 330 quilómetros de fronteira, dos quais 150 fluviais (rio Zaire) e 180 terrestres, a província do Zaire conta com 28 marcos fronteiriços desde o município do Nóqui ao do Cuimba.

Assuntos Província » Zaire  

Leia também
  • 30/01/2019 18:32:34

    SME recolhe estrangeiros em situação migratória ilegal

    Soyo - Duzentos e treze cidadãos da República Democrática do Congo (RDC), que viviam ilegalmente no município do Soyo, província do Zaire, foram recolhidos e repatriados hoje, quarta-feira, pelo Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) na região.

  • 29/01/2019 17:16:49

    SME expulsa estrangeiros por irregularidades migratórias

    Mbanza Kongo - Cinquenta e nove cidadãos da República Democrática do Congo (RDC) foram expulsos nesta segunda-feira, pelo Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) na província do Zaire, por entrada ilegal no território nacional.

  • 23/01/2019 11:00:44

    Polícia detém 289 violadores de fronteira

    Mbanza Kongo - A Polícia de Guarda Fronteira (PGF) na província do Zaire deteve, nos últimos sete dias, 289 cidadãos da República Democrática do Congo (RDC) por tentativa de violação do perímetro fronteiriço que separa esta parcela do território nacional da região do Congo Central.

  • 22/01/2019 12:04:56

    Dirigente quer mais capacidade de liderança dos militantes

    Mbanza Kongo - Maior capacidade de liderança e espírito de missão recomenda-se aos militantes do Mpla no município de Mbanza Kongo, província do Zaire, para garantir a vitória do partido nas próximas eleições autárquicas, marcadas para 2020.