Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

22 Janeiro de 2019 | 15h26 - Actualizado em 22 Janeiro de 2019 | 15h25

Namíbia quer participação na reabilitação de infra-estruturas

Luanda - A República da Namíbia manifestou hoje, terça-feira, maior envolvimento nos programas de reabilitação e construção de infra-estruturas, bem como na produção de alimentos em Angola.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar


O interesse foi declarado pelo novo embaixador namibiano, Patrick Nandago, no final da cerimónia em que foi acreditado pelo Presidente da República, João Lourenço.
 
Em declarações à imprensa, o diplomata explicou que, com esse envolvimento, se pretende alcançar entendimentos na produção de alimentos em Angola, aproveitando os recursos hídricos do país, com benefícios recíprocos.
 
O embaixador residente disse acreditar que o seu país pode tornar-se num grande fornecedor de carne para Angola, à semelhança do que faz com a Europa.
 
O novo chefe da missão diplomática namibiana em Angola é diplomata de carreira há mais de 30 anos e já exerceu esta função no Brasil, Uruguai e Estados Unidos da América.
 
A mais activa cooperação entre os dois países verifica-se na área de defesa e segurança.
 
A concertação política e diplomática a nível de organizações internacionais e regionais ganhou expressão quando os Governos de Angola e da Namíbia assinaram o Memorando sobre Consultas Diplomáticas em 2009.
 
Em Outubro de 2005, os dois países assinaram o Acordo sobre a Isenção de Vistos em passaportes diplomáticos, de serviço e ordinários.
 
 
Embaixador do Vietname
 
O embaixador do Vietname, Vu Ngoc Minh, também acreditado nessa terça-feira, reafirmou o interesse do seu país em reforçar as relações bilaterais com Angola nos sectores da educação, saúde e agricultura, além de, provavelmente, identificar novas áreas de negócios.
 
Vu Ngoc Minh, com o estatuto de embaixador residente, já exerceu funções na Austrália, na Alemanha e no Panamá.
 
Durante a cerimónia de hoje, o Presidente João Lourenço também acreditou o novo embaixador da Turquia, Alp Ay, residente em Angola.

Leia também
  • 05/02/2019 15:54:26

    PR prioriza cooperação com RDC

    Luanda - O Presidente da República, João Lourenço, apontou hoje, terça-feira, como prioridades a cooperação nos domínios da segurança e economia com a República Democrática do Congo (RDC).

  • 05/02/2019 12:45:03

    Angola defende maior impulso na cooperação com RDC

    Luanda - O ministro das Relações Exteriores, Manuel Augusto, disse esperar que o novo governo da República Democrática do Congo (RDC) possa dar uma nova dinâmica aos projectos de cooperação existentes entre os dois países.

  • 05/02/2019 12:06:37

    Tshisekedi já em Angola na primeira visita de Estado

    Luanda - O Presidente da República Democrática do Congo (RDC), Félix Tshisekedi, chegou na manhã desta terça-feira (dia 05) a Luanda, para uma visita oficial e de trabalho de algumas horas, marcando o início da sua agenda externa, desde a investidura ao cargo no dia 24 de Janeiro.

  • 05/02/2019 05:43:18

    Pinda Simão enaltece sacrifício dos nacionalistas

    Uíge - O governador provincial do Uíge, Pinda Simão, enalteceu o empenho dos heróis de 04 de Fevereiro, que deram à sua vida e consentiram sacrifícios para o alcance da independência nacional.