Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

22 Janeiro de 2019 | 18h21 - Actualizado em 22 Janeiro de 2019 | 18h21

Receitas do Serviço de Justiça aumentam no Cunene

Ondjiva - Cinquenta e sete milhões, 177 mil e 812 kwanzas foram arrecadados, em 2018, pela delegação da Justiça e Direitos Humanos no Cunene, contra os 14 milhões, 933 mil e 60 kwanzas do ano ano de 2017.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Cunene: Delegado Provincial da Justiça e Direitos Humanos - Gabriel Ndemupomito.

Foto: José Cachiva

A informação foi avançada hoje, terça-feira, à Angop, pelo delegado da Justiça e dos Direitos Humanos no Cunene, Gabriel Ndemupomito, referindo que o aumento da receita deveu-se a elevada procura dos utentes, motivada pelos concursos públicos no sector da Educação e Saúde, assim como por ocasião das matrículas.

Do valor colectado, 20 milhões, 610 mil e 927 kwanzas correspondem ao sector da Conservatória, 29 milhões, 323 mil  e 72, do Cartório Notarial e sete milhões 243 mil e 813 da Identificação Civil.

No período em causa, o órgão procedeu o registo civil de 35 mil e 571 cidadãos, emitiu 18 mil e 214 cópias integrais, 14 mil e 871 processos de reconhecimentos de documentos diversos, bem como foram passadas três mil e 845 cédula pessoais, frisou o responsável.

Quanto ao sector de Identificação Civil e Registo Criminais, disse que foram emitidos, 31 mil e 310 bilhetes de identidades e 10 mil e 182 registos criminais.

Já no sector notarial, procedeu-se a homologação de cinco mil e 328 documentos.

Assuntos Província » Cunene  

Leia também
  • 02/02/2019 19:21:13

    Cunene: SME expulsa estrangeiros por irregularidade migratória

    Ondjiva - Quatro cidadãos namibianos e um centro-africano , em situação migratória ilegal na província do Cunene, foram expulsos do país nos últimos sete dias, através do posto fronteiriço de Santa-Clara.

  • 30/01/2019 18:28:47

    Recomendada tradução dos manuais sobre direitos humanos

    Ondjiva - A tradução dos manuais e folhetos informativos sobre os direitos humanos em línguas nacionais foi recomendada esta quarta-feira, em Ondjiva (Cunene), pelos membros do Comité de Direitos Humanos na região.

  • 28/01/2019 13:46:07

    Governo busca soluções para combate à seca no Cunene

    Ondjiva - O governo angolano está a avaliar a seca no Cunene, um problema cíclico que afecta, pelo menos, 284 mil 780 pessoas, numa região que tem 990 mil e 87 habitantes.

  • 27/01/2019 16:31:34

    SME regista aumento de 688 movimento migratório no Cunene

    Ondjiva - Catorze mil e 432 movimentos migratórios, de nacionais e estrangeiros, foram registados nos últimos sete dias, na fronteira com Angola/Namíbia, pelo Serviço de Migração Estrangeiro (SME) no Cunene, com o acréscimo de 688 em relação a igual período anterior.