Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

22 Janeiro de 2019 | 14h40 - Actualizado em 22 Janeiro de 2019 | 14h40

SME expulsa de Angola mais de dois mil ilegais

Luanda - O Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) expulsou, na última semana, de Angola, dois mil e 248 cidadãos de várias nacionalidades por decisão administrativa e judicial, mais mil e 200 expulsões em relação a semana anterior.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Os estrangeiros expulsos, cuja grande parte pertence aos países da África Central e Ocidental, transgrediram a Lei sobre a entrada e permanência em território angolano.

De acordo com um documento a que a Angop teve acesso hoje, terça-feira, nos últimos sete dias foram ainda detidos 173 estrangeiros por permanência, auxilio a emigração ilegal e por falta de documentos.

O SME aplicou 68 multas a cidadãos de diversas nacionalidades e a quatro empresas privadas e impedidos de sair do pais 25 angolanos por falta de meios de subsistência, mau estado de conservação dos passaportes, por uso de cartão de residência de Portugal enquanto tentavam rumar para França (Paris).

Constam ainda entre os impedimentos, por interdição de saída imposta pela Procuradora Geral da República (PGR), junto do Serviço de Investigação Criminal (SIC), falta de autorização de saída dos progenitores e cartão internacional de vacina.

Quanto aos actos migratórios foram recepcionados  quatro mil e 740 pedidos, emitidos 12 mil e 670 e entregues mil e 608 documentos diversos entre passaportes, salvos condutos e passe de travessia.

Assuntos Província » Luanda   SME  

Leia também