Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

06 Fevereiro de 2019 | 19h05 - Actualizado em 06 Fevereiro de 2019 | 20h25

Angola e Itália incrementam cooperação

Luanda - Um Memorando de Entendimento, que visa reforçar a cooperação económica entre Angola e a Itália, foi rubricado esta quarta-feira, em Luanda, pelo Ministério das Finanças e pela Cassa Depositi e Prestiti, uma instituição financeira daquele país europeu.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Delegações de Angola e Itália

Foto: Henri Celso

Manuel F. Pedro, Director do Gabinete de Intercâmbio do MINFIN (à dir.) e Antonella Baldino, Directora para Cooperação Internacional e Desenvolvimento

Foto: Henri Celso

O acordo foi assinado pelo director do gabinete de Intercâmbio do Ministério das Finanças, Manuel  Pedro (Angola), e pela responsável para a Cooperação Internacional e Desenvolvimento da instituição italiana, Antonella  Baldina (Itália), no âmbito da visita de Estado  de  três dias do Presidente da Itália, Sérgio Mattarella.

O entendimento visa promover o reforço de cooperação económica e comercial em sectores como o do turismo, agro-negócio, pesca e energia, cujo destaque recai para o desenvolvimento de fontes energéticas renováveis.

No mesmo quadro, prevê-se o desenvolvimento de projectos integrados de produção agrícola sustentável, transformação industrial e distribuição alimentar, com a finalidade de aumentar a auto-suficiência agro-alimentar e reduzir as importações.

Em declarações à imprensa, após a assinatura, o ministro dos Negócios Estrangeiros e Cooperação Internacional da Itália, Enzo Moavero, disse que o memorando vai permitir acompanhar o desenvolvimento de Angola e a concretização de acordos existentes.

Por outro, o ministro italiano disse ser igualmente interesse do seu governo reforçar a cooperação com Angola no domínio da cultura, que no seu entender é uma das áreas que precisa ser explorada.

Testemunharam a assinatura do documento os ministros angolanos das Relações Exteriores, Manuel Augusto, e o das Finanças, Archer Mangueira, bem como o titular  do Ministério dos Negócios Estrangeiros e Cooperação Internacional da Itália, Enzo Moavero.

Assuntos Justiça  

Leia também
  • 06/02/2019 19:42:52

    Audição de Norberto Garcia só na quinta-feira

    Luanda - Ao contrário do que se previa para hoje (quarta-feira), o interrogatório do réu Norberto Garcia foi adiado para quinta-feira, último dia da semana da audição no caso “Burla Tailandesa”, devido ao alongamento do tempo das discussões e audição desta quarta-feira.

  • 06/02/2019 19:32:06

    Réus do caso "Burla Tailandesa" reafirmam confiança em advogado

    Luanda - Os réus tailandeses Raveeroj Ritchoteanan, Manin Wanitchanon e Theera Buapeng e a angolana Celeste de Brito, arrolados no processo da "Burla Tailandesa", decidiram hoje (quarta-feira) manter o advogado Carlos Salumbongo, que estava a ser acusado de conflitos de interesse, pelo seu colega Sérgio Raimundo.

  • 05/02/2019 20:22:19

    Advogados divergem na "Burla Tailandesa"

    Luanda - O advogado dos réus Arsénio Manuel e André Roy no Caso Burla Tailandesa, Sérgio Raimundo, acusou o colega de profissão Carlos Salumbongo de estar em conflito de interesses, por defender os réus tailandeses e uma angolana, que se encontram em rota de colisão.