Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

13 Março de 2019 | 11h48 - Actualizado em 13 Março de 2019 | 15h30

Destacado contributo de Angola em prol da paz em África

Luanda - O enviado especial do Secretário-geral das Nações Unidas para a Região dos Grandes Lagos, Said Djinnit, ressaltou nesta quarta-feira, em Luanda, o papel de Angola por ser um dos países que muito tem contribuído para a paz e desenvolvimento em África e no mundo em geral.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Enviado especial do Secretário-geral da ONU para a Região dos Grandes Lagos, Said Djinnit.

Foto: Francisco Miudo

Presidente João Lourenço à (dir.) recebe enviado especial da ONU

Foto: Francisco Miudo

Said Djinnit falava à imprensa após audiência com o Presidente da República, João Lourenço, com quem abordou questões ligadas a actual situação política, económica e social nos países da região dos Grandes Lagos e também de carácter internacional.

O diplomata argelino ao serviço da ONU, que termina a sua missão a 31 deste mês, depois de quatro anos e meio na função de enviado especial das Nações Unidas, encorajou o Chefe de Estado angolano a continuar o seu empenho na senda do apoio ao desenvolvimento e paz no continente africano e no mundo.

Said Djinnit agradeceu o apoio e a cooperação de Angola ao longo do seu mandato, tendo informado que relativamente à região dos Grandes Lagos foi passada em revista os recentes desenvolvimentos que dizem respeito a República Centro-Africana, o Sudão do Sul e a República Democrática do Congo (RDC)

No que toca à RDC, país que realizou eleições presidenciais em Dezembro do ano passado, o diplomata manifestou a sua satisfação pelo desfecho positivo e pacífico do processo.

Fazem parte dos Grandes Lagos, Angola, Burundi, República do Congo, Ruanda, Tanzânia, Zâmbia, República Democrática do Congo, Uganda, Tanzânia, Quénia, Sudão, Sudão do Sul, o República Centro-Africana,
 

Novo representante da ONU


Entretanto, o Secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, nomeou, em Janeiro deste ano, Huang Xia, da República Popular da China, como novo enviado especial da organização para a Região dos Grandes Lagos.

O diplomata chinês, nascido em 1962 e com mais de 30 anos de experiência, ocupou já vários cargos de alto nível.

Nos últimos dez anos, Huang Xia como embaixador, representou o seu país no Níger, Senegal, República do Congo, Gabão e França.

 

Leia também
  • 13/03/2019 15:46:47

    Angola beneficia de mil milhões de dólares do Banco Mundial

    Luanda - Angola vai beneficiar, nos próximos meses, de um empréstimo do Banco Mundial (BM) no valor de mil milhões de dólares, destinado a financiar projectos ligados ao apoio directo orçamental, protecção social e ao sector das águas, anunciou hoje (quarta-feira), em Luanda, o vice-presidente desta instituição financeira, Hafez Ghanem.

  • 11/03/2019 20:18:49

    PR envia condolências pelas vítimas do acidente aéreo na Etiópia

    Luanda - O Presidente da República, João Lourenço, enviou, nesta segunda-feira, uma mensagem de condolências ao Primeiro-Ministro da Etiópia, Abiy Ahmed Ali, pelo despenhamento de uma aeronave da companhia Ethiopian Airlines, no domingo (10).

  • 11/03/2019 17:30:36

    Angola e Roménia vão relançar cooperação

    Luanda - A vice primeira-ministra da República da Roménia, Ana Birchall, manifestou nesta segunda-feira, em Luanda, a intenção de o seu país relançar a cooperação com as autoridades angolanas, particularmente nos domínios da Educação e do Comércio.