Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

29 Abril de 2019 | 16h41 - Actualizado em 29 Abril de 2019 | 16h46

CPLP vai priorizar mobilidade e aproximação dos cidadãos

Luanda - A Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP) pretende promover, nos próximos dois anos, uma maior mobilidade e aproximação dos cidadãos dos Estados membros, declarou nesta segunda-feira, em Luanda, o secretário executivo da organização, Francisco Ribeiro Telles.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Secretário Executivo da CPLP, Francisco Ribeiro Telles, em declarações à imprensa

Foto: JOAQUINA BENTO

Manuel Augusto, Ministro das Relações Exteriores, com o Secretário Executivo da CPLP, Francisco Ribeiro Telles

Foto: JOAQUINA BENTO

No final de um encontro com o ministro angolano das Relações Exteriores, Manuel Augusto, o diplomata declarou à imprensa que a CPLP está muito valorizada no plano internacional e integra, cada vez mais, um maior número de países, mas falta aos cidadãos da comunidade sentirem a sua importância.

Na sua primeira visita oficial à Angola, desde que assumiu o secretariado executivo da organização, em Junho, Francisco R.Telles disse existirem vários projectos, para este biénio, sobretudo, relacionados com a possibilidade de os cidadãos circularem melhor no espaço da CPLP, com prioridades aos empresários e estudantes.

O também antigo embaixador luso em Angola, disse esperar que da próxima  reunião de ministros das Relações Exteriores da CPLP, prevista para Junho, saíam posições mais concretas sobre a mobilidade no espaço (CPLP), depois da concertação dos titulares do Interior,  feita no último encontro.

Angola deve assumir a presidência da CPLP em 2020, em substituição de Cabo Verde que detêm o cargo, desde Junho de 2018.

A CPLP tem como objectivo o aprofundamento da amizade e cooperação entre os Estados membros.  Integram a referida organização Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor Leste.

Durante a sua visita oficial de dois dias, Francisco Teles deve manter encontros com o Presidente da República, João Lourenço, com o líder parlamentar, Fernando da Piedade Dias dos Santos, incluindo ministros e embaixadores de países membros da CPLP.

Assuntos Cooperação   Migração  

Leia também
  • 29/04/2019 17:50:47

    Rússia oficializa convite ao PR para cimeira de Sochi

    Luanda - O Presidente da República, João Lourenço, já está convidado formalmente a participar na Cimeira Rússia-África, a ter lugar a 24 de Outubro deste ano na cidade de Sochi, sudoeste da Federação Russa.

  • 25/04/2019 18:18:42

    China disponível para ampliar cooperação económica com Angola

    Luanda - A República Popular da China está disponível para ampliar a cooperação económica com Angola, esperando ir além do tradicional modelo estatal de linhas de crédito pagas em petróleo, informou, em Luanda, o embaixador desse país em Angola, Gong Tao.

  • 19/04/2019 13:56:43

    SME regista aumento de estrangeiros ilegais em Malanje

    Malanje - Mil e 718 estrangeiros de nacionalidades diversas foram detidos no primeiro trimestre deste ano, pelo Serviço de Migração e Estrangeiros (SME), na província de Malanje, por estadia ilegal, com acréscimo de 263 em relação a igual período anterior.