Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

18 Maio de 2019 | 19h24 - Actualizado em 18 Maio de 2019 | 19h24

MPLA no Bengo alarga Comité Provincial

Caxito - Os delegados à VI Conferência Provincial Extraordinária do MPLA aprovaram hoje (sábado), em Caxito, o alargamento do Comité Provincial do Bengo de 125 para 165 membros.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Militantes do MPLA analisam situação do partido

Foto: JOSÉ CACHIVA

A conferência elegeu ainda João Mpilamosi Domingos (2º secretário provincial do MPLA) e Ginga Afonso (1ª secretária provincial da OMA) a candidatos a membro do Comité Central, passando assim a província a ter nove membros neste órgão central do partido dos camaradas.

Os trabalhos da conferência foram orientados pela 1ª secretária provincial do MPLA no Bengo, Mara Quiosa, e testemunhados pelo grupo de acompanhamento do Bureau Político do Comité Central do MPLA, coordenado por Américo António Cuononoca.

"O MPLA na província do Namibe deve continuar a trabalhar arduamente, para que nos próximos tempos, haja maior disponibilidade de emprego, sobretudo, da camada juvenil, por formas a que estes possam sustentar as suas famílias", reiterou hoje (sábado), nesta cidade, o chefe do grupo de acompanhamento deste partido à província, Virgílio de Fontes Pereira.

O membro do bureau político e chefe do grupo de acompanhamento à província do Namibe, Virgílio de Fontes Pereira que falava na sessão de encerramento da IX conferencia  provincial extraordinária do MPLA, disse o que partido nesta localidade, deve criar as condições necessárias para inserção de mais jovens no mercado de trabalho.

No seu discurso, o dirigente apelou ainda a todos os militantes, amigos e simpatizantes do MPLA, sociedade civil e partidos políticos, a prestarem maior solidariedade as vitimas da seca que afecta esta região do sul do Pais, dando um pouco que tem , por forma a minimizar a carência que milhares de famílias vivem com o surgimento deste fenômeno.


Por seu lado, o 1º secretário desse partido na Huíla, Luís da Fonseca Nunes, disse que a luta dos militantes do MPLA na Huíla é tornar o partido cada vez mais forte e para tal as suas atitudes e acções devem ser dignas de serem seguidas, sendo o exemplo de um "bom cidadão", promotor dos valores morais, éticos, cívicos e partidários.

Falando na abertura da VII Conferência Provincial Extraordinária, o político ressaltou o papel de um militante “exemplar” na mudança dos valores da comunidade onde está inserido, na medida em que ética partidária é “indispensável” para a afirmação do partido.

Sublinhou que esse encontro tem como objectivo deliberar sobre a eleição dos candidatos ao comité provincial e ao comité central, dentro do processo de alargamento dos órgãos colegiais representativos.

No Luena, província do Moxico, o primeiro secretário do MPLA, Gonçalves Muandumba, exortou os militantes dos seus Comités de Acção (CAP) a ajudarem o Partido na identificação dos principais problemas que afectam actualmente as comunidades

Ao discursar na VII Conferência Provincial Extraordinária do MPLA, apontou os sociais e económicos, que podem ser resolvidos através de implementação das campanhas de vacinação, alfabetização entre outras acções exequíveis no âmbito da operação Resgate e Transparência, como as prioritárias.


Na ocasião, Gonçalves Muandumba apelou os militantes do seu partido a assumirem o compromisso de trabalho árduo para o bem-estar do povo, de forma a retribuir a coragem demonstrada pelos heróis tombados por causa da conquista da independência e da paz no país.

Na Lunda Norte, o MPLA, elegeu Fernando Terça Quindji e Domingas Zeferina Martins para membros do Comité  Central, e 31 membros para o Comité Provincial, no âmbito do alargamento dos Órgãos intermédios do Partido.

Durante  o certame, em que participaram 491 delegados dos 623 previstos, o primeiro Secretário do MPLA, Ernesto Muangala, referiu que o Comité Provincial da Lunda Norte elevou-se de 135 para 183 membros.

Enfatizou que o evento visa a preparação do 7º Congresso do Partido no próximo dia 15 de Junho que conta com 101 participantes da Lunda Norte e a realização das autarquias, em 2020.

Por outro lado, 42 novos membros foram eleitos ao comité provincial do MPLA no Cuando Cubango, no final da V Conferência Extraordinária, elevando a 177 filiados, dos quais 48 são mulheres, com 389 votos a favor.

A V conferência, orientada pelo 1º secretário do MPLA, elegeu igualmente dois candidatos a membros do Comité Central do MPLA, nomeadamente Bento Francisco Xavier e Adélia Muambo Samuel, com 345 votos a favor, num certame que contou com a participação de 402 dos 624 delegados previstos.

Assuntos MPLA  

Leia também
  • 18/05/2019 14:55:42

    MPLA realiza hoje conferências provinciais extraordinárias

    Luanda - O MPLA está a realizar hoje (sábado) em todo o país conferências provinciais extraordinárias, no âmbito da preparação do seu sétimo congresso extraordinário, a ter lugar a 15 de Junho, em Luanda.

  • 17/05/2019 18:25:07

    MPLA quer mais coesão e unidade na província

    Menongue - O primeiro secretário do MPLA no Cuando Cubango, Pedro Mutindi, solicitou hoje (sexta-feira), nesta cidade, a todos os militantes desta formação política mais união e coesão para um maior crescimento da formação política na região.

  • 15/05/2019 23:04:21

    MPLA quer apetrecho do bloco operatório do hospital de Caluquembe

    Lubango - Os membros do Comité Provincial do MPLA da Huíla exortaram hoje, quarta-feira, na cidade do Lubango, ao governo local no sentido de mobilizar recursos financeiros para o apetrechamento do bloco operatório do hospital central do município de Caluquembe.