Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

14 Agosto de 2019 | 14h04 - Actualizado em 14 Agosto de 2019 | 15h27

MPLA no Huambo quer mais dinamismo nas organizações sociais

Huambo - A segunda secretária do MPLA na província do Huambo, Loti Nolika, instou hoje, quarta-feira, a JMPLA a ser mais dinâmica, proactiva e a estar mais próxima dos jovens, antevendo os próximos desafios eleitorais, que passa pela vitória nas primeiras eleições autárquicas no país, previstas para 2020.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Estas palavras foram proferidas durante a apresentação dos candidatos a 1º secretário da JMPLA no planalto central para os próximos cinco anos, cuja assembleia de balanço e renovação de mandatos decorre no próximo dia 30, sob o lema “JMPLA – Pela cidadania e pelo progresso, construamos um futuro melhor”.

Trata-se de João Kalupeteca Chieva, Bartolomeu Sérgio Likutu e Nadir Chinene Kataleco, que tentam chegar a secretário provincial desta organização juvenil do MPLA, partido no poder em Angola.

Segundo a dirigente partidária, os militantes devem promover a democracia interna, o patriotismo e a camaradagem, abstendo-se de práticas que comprometem a boa imagem da organização e do partido, em geral, numa altura em que se avizinham as primeiras eleições autárquicas em Angola.

De forma particular, Loti Nolika apelou os três candidatos a primarem por um conduta cívica e patriótica durante o processo eleitoral da JMPLA na província, a decorrer de 14 a 28 deste mês, para que sejam exaltados os valores da democracia interna e da irmandade que sempre nortearam, quer seja o MPLA, quer sejam as suas organizações de base.

“Esperamos que cada um trabalhe, de forma patriótica e seja capaz de proporcionar um ambiente amigável dentro e fora da organização, fazendo bom uso das redes sociais”, recalcou.

Durante a sessão, cada um dos candidatos apresentou a lnhas de força da sua acção, para o caso de ser eleito, baseadas, principalmente, na formação ideológica, reforço da coesão interna, promoção do género, intensificação das campanhas de moralização da sociedade e recrutamento de novos militantes.

Assuntos Província » Huambo  

Leia também
  • 30/07/2019 21:02:32

    Número de processos instaurados pelo SIC nos últimos três meses sobe

    Huambo - Mil e 103 processos-crime de violação, homicídio qualificado e voluntário, posse ilegal de arma de fogo, entre outros, foram instaurados, nos últimos três meses, na província do Huambo, pelo Serviço de Investigação Criminal (SIC), mais 105 em comparação ao igual período anterior.

  • 30/07/2019 11:01:31

    Autarca português optimista sobre êxito do processo em Angola

    Huambo - O autarca da freguesia de Olivais, em Lisboa (Portugal), Arnaldo Costeira, declarou hoje, no Huambo, que os avanços tecnológicos que Angola tem registado são promissores para a implementação, com êxito, do processo autárquico, no quadro dos desafios da reforma do Estado e dinamização da economia nacional.

  • 27/07/2019 16:53:17

    CASA-CE defende contínua fiscalização do PIIM

    Huambo - O secretário da CASA-CE na província do Huambo, Arão Abel, defendeu hoje, sábado, a necessidade de a população fiscalizar, de forma contínua, o Plano Integrado de Intervenção dos Municípios (PIIM), lançado pelo Executivo angolano no passado dia 28 de Junho, em Luanda.