Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

12 Setembro de 2019 | 13h04 - Actualizado em 12 Setembro de 2019 | 17h07

Governador espera mais investimento nas estradas

Cazombo - O governador do Moxico, Gonçalves Muandumba, reconheceu, nesta quinta-feira, que "apenas 16 por cento das estradas da província estão asfaltadas", pelo que solicitou o apoio do Executivo para construir e reabilitar essas infra-estruturas.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Governador Provincial do Moxico, Gonçalves Muandumba (arquivo)

Foto: Kinda kyungu

Ao intervir na reunião orientada pelo Presidente da República, João Lourenço, explicou que as estradas existentes “estão intransitáveis, à excepção da de Camanongue”.

Actualmente a rede viária do Moxico possui três mil 477 quilómetros, sendo que apenas 576 quilómetros estão asfaltados.

A par das estradas e pontes, o governador solicitou também ao executivo apoio para a construção, no mínimo, de uma centralidade habitacional, administrações municipais e comunais, bem como habitações para os magistrados, médicos, professores, entre outros profissionais.

Ao leque das necessidades, acrescentou a requalificação das cidades do Luena e do Luau, assim como o estancamento da progressão das ravinas.

No plano da educação, informou que a região precisa de mil 570 salas de aula para os sistemas de educação e ensino superior e de reatar o funcionamento os institutos agrário, o politécnico e o magistério primário.  

O quadro é idêntico no sector da saúde, onde, segundo o governador, são necessários três hospitais municipais, um sanatório, sete centros médicos e 10 postos de saúde. 

Falou ainda da necessidade de se colocar em funcionamento as fazendas, montagem de fábricas de descasque de arroz e de transformação de mandioca e milho, para além do apoio à pesca continental, tal como créditos para micro e pequenas empresas.  

A electrificação de municípios deve ser viabilizada, na sua óptica, aproveitando o potencial da vizinha da República da Zâmbia.  

Porém, Muandumba admitiu que a província Moxico tem potencial para se desenvolver economicamente e ultrapassar o ciclo de pobreza a médio prazo, um desafio que deverá passar pela aposta na formação de quadros, no sector agrícola e disponibilização de verbas atempadamente.  

O Presidente da República, João Lourenço, cumpre desde hoje uma visita de trabalho de dois dias à província do Moxico (Leste de Angola).

Leia também
  • 12/09/2019 16:27:56

    PR reafirma empenho na melhoria das condições sociais

    Cazombo - O Presidente da República, João Lourenço, reafirmou nesta quinta-feira, em Cazombo, município do Alto Zambeze, província do Moxico, o empenho do Executivo na melhoria da qualidade de vida nos municípios.

  • 12/09/2019 11:06:06

    PR chega a Cazombo

    Luanda - O Presidente da República, João Lourenço, chegou a meio da manhã desta quinta-feira a Cazombo, sede municipal do Alto Zambeze, onde inicia a visita de trabalho de dois dias à província do Moxico (Leste de Angola).

  • 11/09/2019 14:03:49

    PR apela a acções em prol da juventude

    Luanda - O Presidente da República, João Lourenço, afirmou hoje, quarta-feira, em Luanda, que a concretização dos sonhos e das aspirações da juventude deve contar também com o empenho individual ou colectivo de cada jovem.