Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

11 Setembro de 2019 | 06h10 - Actualizado em 11 Setembro de 2019 | 06h10

UNITA lamenta condições sociais da população no Luau e Alto Zambeze

Luena - O secretário provincial da Unita no Moxico, João Muzaza Caweza, lamentou, no Luena, os elevados problemas sociais que afectam sobretudo às famílias nos municípios do Luau e Alto Zambeze.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Moxico: Secretário Provincial da UNITA no Moxico, João Muzaza Caweza

Foto: kinda kyungu

Falando numa conferência de imprensa, após um périplo de 15 dias aos municípios transfronteiriços do Luau e Alto Zambeze, o político apontou os hospitais, escolas, vias de comunicação, água potável, energia eléctrica, estradas, como as que mais dificuldades apresentam.

A subida nos últimos dias de preço dos produtos da cesta básica, na óptica do líder da UNITA no Moxico, piora as já difíceis condições e o bem-estar das populações daquelas circunscrições.

João Muzaza Caweza disse haver falta de vontade política do Governo, o que reflecte no adiamento da asfaltagem das estradas que ligam estes municípios a cidade do Luena, capital da província do Moxico.

O também deputado da Assembleia Nacional pelo círculo do Moxico considerou de “insignificante” a terraplanagem em curso na estrada que liga as sedes municipais do Luau a Cazombo (Alto Zambeze).    

Manifestou-se preocupado pela persistência da falta de medicamentos, médicos especializados e de enfermeiros nas unidades hospitalares destas duas municipalidades, onde puderam notar várias pessoas a se questionarem “como conseguir dinheiro para adquirir os fármacos”.

Na conferência, o secretário provincial da Unita afirmou que as acções no âmbito do Programa de Investimentos Públicos (PIP) estão aquém do pretendido, augurando que o Programa Integrado de Intervenção dos Municípios (PIIM), traga outra dinâmica no desenvolvimento destes municípios.


Considerou de excelentes os trabalhos dos seus militantes na divulgação e sensibilização das autarquias previstas para 2020, reiterando a implementação das eleições autárquicas em todos os municípios do país.


Justificou que desta forma vai se evitar situações de assimetrias regionais em termos de desenvolvimento, como sucede actualmente.

O evento que decorreu na sala de reuniões do comité provincial da Unita contou com a presença do deputado, Antonino Filipe Chiyulo, e de militantes oriundos dos nove municípios da província do Moxico. 

Leia também
  • 10/09/2019 17:42:46

    Chefe de Estado regressa ao país

    Luanda - O Presidente da República, João Lourenço, regressou na tarde desta terça-feira ao país, proveniente de Brazzaville (República do Congo), onde interveio hoje (terça-feira) na abertura do Fórum "Investir em África" (FIA5).

  • 09/09/2019 19:19:34

    FAA reafirmam intervenção em operações de paz

    Luanda - O Chefe de Estado-Maior General das Forças Armadas Angolanas (CEMG/FAA), Egídio de Sousa Santos, reafirmou nesta segunda-feira, em Luanda, a disponibilidade das tropas intercederem em operações de manutenção da paz e de ajuda humanitária, no quadro regional e continental.

  • 09/09/2019 18:13:23

    UNITA vê oportunidade nas VIII jornadas parlamentares

    Lubango - O presidente do grupo parlamentar da UNITA, Adalberto Costa Júnior, vê na realização das VIII jornadas parlamentares nas províncias da Huíla e do Cunene uma oportunidade para os deputados inteirarem-se da seca que afecta mais de 880 mil e 172 pessoas.