Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

19 Outubro de 2019 | 11h53 - Actualizado em 19 Outubro de 2019 | 16h36

PR homenageia mártires da resistência do Cuito

Cuito - O Presidente da República, João Lourenço, rendeu hoje (sábado), homenagem aos cerca de sete mil mártires da resistência do Cuito (Bié), sepultados no Cemitério Monumento.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Chefe de Estado deposita coroa de flores do Cemitério Monumento do Cuito

Foto: Pedro Parente

Em declarações à imprensa, após depositar uma coroa de flores, o Chefe de Estado, visivelmente comovido, disse tratar-se sempre de um momento de profunda reflexão para que a história não se repita.

“O compromisso que assumirmos sempre que viemos a este local é de tudo fazer para que a história não se repita. Portanto, o que passou passou, devemos mobilizar a população para os desafios do futuro, tendo como foco o desenvolvimento”, exprimiu.

João Lourenço reafirmou a vontade de manter o Cuito como “Cidade do Perdão”, compromisso assumido na campanha eleitoral de 2017.

No cemitério Mártires do Cuíto, localizado na comuna do Cunje, sete quilómetros a norte do Cuito, estão sepultados perto de sete mil corpos, que haviam sido enterrados em locais impróprios, como jardins e quintais de residências, por força da guerra pós-eleitoral de 1992.

Erguido com a finalidade de permitir a passagem do testemunho às novas gerações, sobre os acontecimentos que levaram à morte de milhares de angolanos na década de 90, o cemitério ocupa uma área de 75 mil metros quadrados.

Possui três casas de apoio, sendo uma capela, casa administrativa e um museu que contém alguns artefactos encontrados junto dos corpos, nomeadamente retratos, documentos e restos do material usado durante a guerra.

O processo de construção do cemitério, exumação e inumação dos corpos decorreu de 13 de Outubro de 2003 a Novembro de 2004 e orçou aos cofres do Estado angolano cerca de 510 milhões de kwanzas.

O Presidente da República cumpre hoje o último dia da sua visita de trabalho à província do Bié, iniciada sexta-feira, para se inteirar da sua situação socioeconómica e traçar soluções para os problemas da população.

No cumprimento da agenda da sua visita, o estadista inaugurou, sexta-feira, o Hospital Regional do Cuemba e reinaugurou o aeroporto Joaquim Kapango, na cidade do Cuito.

Inteirou-se do andamento das obras do Hospital Provincial do Bié, erguida já em cerca de 70 porcento.

Ainda hoje, o Presidente vai inaugurar um sistema de captação, tratamento e distribuição de água à cidade do Cuito, para além de manter um encontro com a juventude e orientar a reunião do Conselho Provincial de Auscultação das Comunidades.

Assuntos Política   Província » Bié  

Leia também
  • 19/10/2019 15:10:13

    UNITA analisa em conferência a situação socioeconómica de Saurimo

    Saurimo - Os membros do Secretariado Municipal da UNITA em Saurimo (Lunda Sul) analisaram hoje(sábado),a situação socioeconómica e política do município sede, durante a Conferência municipal, bem como aspectos ligados ao XIII Congresso ordinário da agremiação política.

  • 19/10/2019 15:07:18

    Moxico: Secretária de Estado preocupada com aumento da população penal jovem

    Luena - A secretária de Estado para os Direitos Humanos e Cidadania, Ana Celeste Januário, manifestou - se hoje, sábado, no Luena, preocupada ao constatar que dos mais de 300 reclusos detidos no estabelecimento prisional local a maioria é jovem.

  • 19/10/2019 13:44:08

    Bié aumenta distribuição de água potável

    Cuito - Um sistema de captação, tratamento e distribuição de água, para beneficiar cinco mil famílias da cidade do Cuito, província do Bié, foi inaugurado, hoje (sábado), pelo Presidente da República, João Lourenço.