Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

08 Janeiro de 2020 | 19h49 - Actualizado em 10 Janeiro de 2020 | 18h00

MPLA defende fortalecimento da unidade e coesão

Huambo - O fortalecimento da unidade e da coesão interna, para reforçar a capacidade governativa e enfrentar, da melhor forma, os desafios do presente e do futuro, constituem as principais prioridades do MPLA na província do Huambo no presente ano.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Huambo: 1ª secretária do MPLA no Huambo, Jona Lino recebe cumprimentos de ano novo

Foto: Valentino Yequenha

Huambo: Huambo: 1ª secretária do MPLA no Huambo, Jona Lino recebe cumprimentos de ano novo

Foto: Valentino Yequenha

O compromisso foi assunido esta quarta-feira pela 1ª secretária do MPLA nesta região do país, Joana Lina, após receber cumprimentos de Ano Novo dos membros da Comité Central residentes no Huambo, do Provincial e dos Comités de Especialidades do partido no poder em Angola.

Realçou a importância da unidade e da coesão interna, para o desenvolvimento do trabalho político-partidário, que visa torná-lo mais forte na acção governativa e prepará-lo para os próximos desafios.

Joana Lina disse, por esta razão, que o MPLA vai, neste ano, dar primazia a potencialização dos quadros aos vários níveis, para uma melhorar actuação e postura, tendo em conta a promoção do progresso social desta região do planalto central.

Na sua intervenção, instou os militantres no sentido de apoiarem o partido na realização das suas acções, asism como o Presidente da República e do MPLA, João Lourenço, para o alcance dos ideais, segundo os quais “O mais importante é resolver os problemas do povo”.

Sobre as acções desenvolvidas em 2019,  destacou a realização das II jornadas político-partidárias do Bureau Político do MPLA, oreintado pela sua Vice-presidente, Luísa Damião,  os trabalhos de divulgação da agenda política e das actividades de moralização da sociedade que contaram com o envolvimento dos quadros e responsáveis partido e das organizações sociais como a OMA e a JMPLA.

Referiu-se igualmente à realização das conferências comunais, municipais e provincial, além das actividades que antecederam o VII Congresso Extraordinário desta organização partidária, que, segundo Joana Lina, permitiram o alargamento do número de membros para cifras mais representativas, com relace para os jovens e as mulheres.

De igual modo, alencou a realização das actividades de constatação do nível de organização e funcionamento das estruturas do MPLA, bem como do grau de implementação dos projectos economico-sociais a nivel dos 11 municípios da província.

Com uma extensão territorial de 35.771 quilómetros quadros e uma população de dois milhões, 389 mil e 231 habitantes, o MPLA controla, nesta província, 373 mil e 354 militantes, distribuídos em 11 comités municipais e em cinco mil e 453 comités de acção.

Nas eleições de 23 de Agosto de 2017, o MPLA obteve, nesta região, 347 mil e 763 votos, de um total de 621.554 de eleitores, que lhe permitiu eleger três deputados, dos cinco previstos.

Assuntos Província » Huambo  

Leia também
  • 10/01/2020 17:32:31

    Governo direcciona acções aos municípios com maior índice de pobreza

    Huambo - O vice-governador da província do Huambo para sector Político, Social e Económico, José Cornélio, informou hoje, sexta-feira, que o Governo local vai direccionar, este ano, as acções do Programa Integrado de Desenvolvimento Local e Combate à Pobreza aos municípios com maior índice de pobreza multidimensional, como forma de reduzir as assimetrias.

  • 09/01/2020 18:30:29

    Comandante destaca empenho do efectivo da RMC

    Huambo - O comandante da Região Militar Centro (RMC), tenente-general Dinis Segunda Lucama, destacou esta quinta-feira, no Huambo, o empenho do efectivo das Forças Armadas Angolanas (FAA) nas acções em prol da defesa e segurança nacional.

  • 08/01/2020 14:17:54

    General ressalta papel interventivo dos especialistas de saúde

    Huambo - O chefe da direcção dos Serviços de Saúde das Forças Armadas Angolanas (FAA), tenente-general Alberto de Almeida, destacou hoje (quarta-feira), no Huambo, o papel interventivo dos sanitários na prevenção e protecção da tropa e da sociedade, de forma geral, e em casos de endemias.