Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

24 Janeiro de 2020 | 12h51 - Actualizado em 24 Janeiro de 2020 | 13h06

Ministro exige rigor na fiscalização de ilegais

Luanda - O ministro do Interior, Eugénio Laborinho, exigiu maior rigor no processo de fiscalização e de entrada de estrangeiros ilegais em áreas diamantíferas, plataformas marítimas, hotéis, centros comerciais e em navios de exploração petrolífera.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Ministro do Interior, Eugénio Laborinho (arquivo)

Foto: António Escrivão

Ao falar na abertura da III Reunião Técnica Metodológica do Serviço de Migração e Estrangeiros (SME), no município de Viana, em Luanda, o governante afirmou que a exigência se enquadra nas acções de combate à imigração ilegal em curso no país.

No encontro, iniciado quinta-feira, o ministro do Interior desencorajou o apoio à imigração ilegal, tendo alertado que esse procedimento configura “crime punível com pena de prisão, de acordo com o Regime Jurídico dos Cidadãos Estrangeiros” em vigor no país.

Eugénio Laborinho sublinhou que os estrangeiros que pretendem contribuir para o crescimento da economia angolana terão no SME um “parceiro” de primeira instância para a regularização da sua condição migratória.

A III Reunião Técnica Metodológica do SME está a analisar, entre outros temas, o “Plano de Modernização do SME 2018/2022”, “Procedimentos para o registo e controlo dos fluxos dos cidadãos residentes fronteiriços” e “ Autorização para resolução da problemática dos refugiados e requerentes de asilo”.

Assuntos Província » Luanda   SME  

Leia também
  • 20/01/2020 14:35:56

    UNITA engajada na aprovação do pacote autárquico

    Luanda - O presidente da UNITA, Adalberto da Costa Júnior, disse, hoje (segunda-feira), no município de Viana, em Luanda, que a direcção do seu partido está engajada em trabalhar de forma árdua para que até Março de 2020 o pacote legislativo autárquico possa ser votado.

  • 18/01/2020 22:50:53

    MPLA em Luanda lamenta comportamento de alguns militantes

    Luanda - O primeiro secretário provincial do MPLA em Luanda, Sérgio Luther Rescova, lamentou hoje, sábado no município de Viana, a existência de muitos militantes que até agora continuam a usar a bandeira desta organização para a ocupação ilegal de terrenos, alegando serem espaços direccionados para a construção de um Comité de Acção do Partido (CAP).

  • 15/01/2020 15:58:19

    Director do ISTM quer mais dignidade para os antigos combatentes

    Luanda - O director do Instituto Superior Técnico Militar (ISTM), tenente - general, Miguel Júnior " Michel ", defendeu hoje, quarta-feira, nesta cidade, a necessidade de se dar maior atenção e dignidade aos antigos combatentes e veteranos da pátria.