Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

31 Julho de 2020 | 17h08 - Actualizado em 31 Julho de 2020 | 17h29

Oficial general destaca contributo das FAPLA

Luanda - O director nacional de Segurança Social, Cultura e Desporto, do Ministério da Defesa Nacional, João Massano, considerou esta sexta-feira que relembrar as FAPLA (Forças Armadas Populares de Libertação de Angola) é reconhecer a grandeza de uma das maiores instituições castrenses do país.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Em declarações à Angop, a propósito dos 46 anos de formação das extintas FAPLA, o também general frisou que a dimensão sócio-histórica da criação do primeiro exército nacional ficará eternamente gravada na memória dos angolanos.

Lembrou que ao longo da sua existência (1974-1991), as FAPLA conquistaram inúmeras vitórias e muitas pela determinação dos seus efectivos, que se bateram pela conquista da paz, na altura tida como mera utopia.

Para João Pereira Massano, a recuperação do passado através da história é um processo que se perpetua no presente e remete para a ideia de que a história não se nega, assume-se por inteiro.

“Na verdade, tal como ontem, em cada Agosto que surgir, e enquanto um sopro de vida nos animar, vamos continuar a manter a chama viva para que a história não se apague jamais”, vincou.

Antigo exército nacional, as Forças Armadas Populares de Libertação de Angola (FAPLA) foram fundadas a 1 de Agosto de 1974, tendo sido extintas em 1991 para dar lugar às Forças Armadas Angolanas (FAA).

Leia também
  • 13/04/2020 19:36:56

    Ministro de Estado pede atenção especial aos veteranos da pátria

    Luanda - O ministro de Estado e Chefe da Casa de Segurança do Presidente da República, Pedro Sebastião, afirmou hoje, em Luanda, que os antigos combatentes e veteranos da pátria devem merecer atenção especial na resolução dos seus problemas.

  • 31/01/2020 12:49:38

    Angola poderá apostar na cooperação militar com os EAU

    Luanda - Os Emirados Árabes Unidos (EAU) poderão ser aposta de Angola para a formação e capacitação de quadros do sector da defesa, afirmou nesta sexta-feira o ministro Salviano de Jesus Sequeira, durante um encontro com o Sheik Amed Dalmoook Al Maktoum.

  • 02/01/2020 08:28:55

    Recenseamento militar inicia-se segunda-feira

    Luanda - O recenseamento militar dos cidadãos nacionais do sexo masculino, nascidos em 2002, realiza-se de 6 de Janeiro a 29 de Fevereiro de 2020, ao abrigo da Lei Geral do Serviço Militar.