Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

18 Setembro de 2020 | 14h21 - Actualizado em 18 Setembro de 2020 | 14h20

Governo da Huíla processa empreiteiro por "falhas graves"

Chipindo - O Governo Provincial da Huíla apresentou queixa ao Serviço de Investigação Criminal (SIC) contra a empreiteira "Nova Reformaca", por falhas que considera graves na obra de construção da nova administração municipal de Chipindo.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Huíla: Rosário Ima Panzo - director provincial de infra-estruturas

Foto: Amélia Oliveira

Huíla: Município de Chipindo

Foto: Morais Silva

A estrutura devia ser entregue em 2013, altura em que a “Nova Reformaca” paralisou a empreitada. Na sequência o governo da Huíla rejeitou a receber a obra, alegando falhas técnicas graves que, sete anos depois o empreiteiro não corrigiu.

Sobre o assunto, o director do gabinete provincial de infra-estruturas da Huíla, Rosário Ima Panzo, declarou que o processo contra a “Nova Reformaca” está já a tramitar junto do SIC.

Acrescentou que a primeira observação do relatório é ver quem e como vão ser feitas as correcções, sublinhando que apesar de não existir deficiências estruturantes no edifício, há problemas de execução a nível do pavimento, redes técnicas e de cobertura.

“Na altura, o governo tentou encontrar outro empreiteiro, mas o processo entrou no SIC e não evoluiu”, referiu Rosário Ima Panzo para quem é necessário aguardar por uma solução conjunta entre os órgãos de investigação e de inspecção do governo.

Segundo o director do gabinete provincial de infra-estruturas da Huíla, que descarta a demolição da obra, do empreiteiro pouco se sabe, sendo que o escritório onde a empresa funcionava está fechado e os contactos telefónicos desligados.

A construção da nova administração municipal de Chipindo se enquadrado no Programa de Investimentos Públicos (PIP).

O município do Chipindo tem uma extensão territorial de três mil e 898 quilómetros quadrados. Dista a 456 quilómetros do Lubango e tem uma população estimada em 77 mil e 670 habitantes.

Leia também
  • 17/09/2020 18:31:39

    Melhor forma de honrar Neto é preservar a paz - diz governador

    Lubango - A melhor forma de honrar a memória do primeiro Presidente de Angola e fundador da Nação, António Agostinho Neto, é preservar a paz e consolidar a democracia no país disse hoje, quinta-feira, na cidade do Lubango, o governador da Huíla, Luís Nunes.

  • 16/09/2020 22:12:57

    Ex-governador da Lunda Sul detido por peculato

    Luanda - O ex-governador da província da Lunda Sul, Ernesto Kiteculo, foi detido, nesta quarta-feira, pela Procuradoria-Geral da República (PGR), por crimes que incluem peculato

  • 05/09/2020 18:02:22

    Presidente do TS visita obras do tribunal de relação no Lubango

    Lubango - O Juiz Conselheiro Presidente do Tribunal Supremo, Joel Leonardo, visitou hoje as obras do tribunal de relação e do julgado de menores no município do Lubango, província da Huíla, cuja inauguração está prevista para este mês.