Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

12 Outubro de 2020 | 09h56 - Actualizado em 12 Outubro de 2020 | 10h55

Uíge observa tolerância de ponto

Uíge - O Governo do Uíge decretou tolerância de ponto para esta segunda-feira, devido ao passamento físico do governador provincial, Sérgio Luther Rescova, ocorrido sexta-feira última, por doença, em Luanda.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Governador do Uíge, Sérgio Luther Rescova (arquivo)

Foto: Domingos Nicolau

Será aberto um livro de condolências, nesta cidade, para a homenagem, com a participação de várias entidades, nomeadamente governantes, políticos, autoridades religiosas e tradicionais.

Natural da Damba, província do Uíge, Sérgio Luther Rescova morreu aos 40 anos.

Mestre em Ciências Jurídico-Políticas e licenciado em Direito pela Universidade Católica de Angola, foi deputado à Assembleia Nacional e secretário nacional da JMPLA, organização juvenil do MPLA.

Leia também
  • 08/10/2020 22:43:25

    Ministro apela permanente firmeza no actual contexto

    Luanda - O ministro da Defesa Nacional e Veteranos da Pátria, João Ernesto dos Santos, exortou os efectivos das Forças Armadas Angolanas (FAA) a estarem permanentemente firmes na perspectiva de enfrentarem a conjuntura do momento delicado, com elevada prontidão no cumprimento das suas tarefas.

  • 07/10/2020 14:55:56

    Executivo actualiza Decreto sobre Situação de Calamidade Pública

    Luanda - O Executivo angolano apresenta hoje, quarta-feira, 07 de Outubro de 2020, às 19h00, no CIAM, as medidas actualizadas da Situação de Calamidade Pública, no quadro das acções de contenção e combate à pandemia da Covid-19.

  • 07/10/2020 09:53:27

    Falta de condições dificulta extensão dos serviços da PGR no Moxico

    Luena - A falta de instalações para acomodação do pessoal e as dificuldades de acesso aos municípios do interior da província do Moxico impedem, actualmente, o alargamento dos serviços da Procuradoria Geral da República ?PGR? na região.