Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Reconstrução Nacional

26 Julho de 2018 | 17h11 - Actualizado em 26 Julho de 2018 | 17h10

Munícipes do Porto Amboim recebem lotes para auto-construção dirigida

Sumbe - Pelo menos 20 famílias que residiam em zonas afectadas pelas calemas, arredores do município do Porto Amboim, província do Cuanza Sul, receberam hoje, quinta-feira, lotes de terra para auto-construção dirigida.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Pormenor da vila do Porto Amboim

Foto: Inácio Sabino

A iniciativa é da administração municipal do Porto Amboim e enquadra-se na execução do programa de auto-construção dirigida, que visa criar condições de habitabilidade às famílias afectadas pelas calemas que assolaram a região no decurso deste mês.

As calemas danificaram infra-estruturas habitacionais, hoteleiras e embarcações da pesca.

Calemas são alterações que ocorrem periodicamente no nível das águas do mar, causadas pela interferência da força de gravidade.

Segundo o administrador municipal adjunto para área técnica, António Eusébio, cada família se beneficiou de uma parcela de terra de 20 metros quadrados.

Para o efeito, adiantou, foi criada uma comissão para acompanhar e apoiar tecnicamente a construção das residências e outras infra-estruturas sociais, visando assegurar a construção de moradias de forma ordenada.

Entrevistados pela Angop, os beneficiários manifestaram a sua satisfação, realçando que as dificuldades relacionadas com a falta de habitação serão resolvidas.

A zona litoral do Cuanza Sul que compreende os municípios do Sumbe e Porto Amboim tem uma orla marítima com uma extensão de 178 quilómetros lineares.

Leia também