Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

10 Agosto de 2018 | 21h31 - Actualizado em 10 Agosto de 2018 | 19h04

Responsável apela adesão às consultas de tuberculose

Sumbe - As pessoas devem recorrer às unidades sanitárias logo ao primeiro sinal e sintoma da tuberculose, com vista a diminuir o nível de propagação da doença no organismo e na comunidade, apelou à imprensa, hoje, sexta-feira, o director do Hospital "17 de Setembro" no Sumbe, província do Cuanza Sul, Agostinho Cardoso.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Para o responsável, a negligência por parte dos pacientes que se furtam a respeitar a orientação médica para se livrarem da patologia tem vindo a aumentar.

Durante o primeiro semestre do ano em curso, precisou,  foram diagnosticados 221 casos de tuberculose, mais 10 em relação a igual período de 2017, que resultaram na morte 45 cidadãos.

Disse que a secção da tuberculose, que atende diariamente, entre 10 a 15 pessoas, funciona no Hospital “17 de Setembro”, dispondo de um laboratório de análise, assegurado por três  técnicos especializados.

Por exiguidade de espaço, onde funciona a Secção de Tuberculose, disse a fonte,  reiterou o apelo à Direcção Provincial da Saúde do Cuanza Sul, no sentido de construir um centro com capacidade para 20 a 25 camas, por forma a melhorar as condições de atendimento e acomodação de pacientes.

Referiu que a referida secção conta com medicamentos suficientes para atender os pacientes internados.

O município do Sumbe conta com uma população estimada em 267 mil 693 habitantes.

Leia também