Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

31 Outubro de 2018 | 20h01 - Actualizado em 31 Outubro de 2018 | 20h00

Diagnosticados mais de mil pacientes na feira de saúde da Unitel

Ganda - Mil e 759 pessoas com patologias diversas foram atendidas gratuitamente em consultas de clínica geral e de especialidades na feira de saúde da Unitel, realizada nesta terça-feira, na vila do Alto Catumbela, município da Ganda (Benguela).

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Feira de saúde da Unitel

Foto: VALENTINO YEQUENHA

Promovida pela operadora de telefonia móvel privada Unitel em parceria com o sector provincial da Saúde, a feira, que decorreu sob o lema: “Garantir a qualidade de vida é apostar na promoção da saúde e prevenção de doenças”, versou num modelo de exposição e atendimento da população de forma gratuita.

Em declarações hoje, quarta-feira, à Angop, o director da repartição municipal da Saúde na Ganda, Albano Weia, que fez o balanço da actividade, disse que foram realizadas 164 triagens pediátricas, 398 de adultos, 153 consultas de clínica geral em pediatria, 278 em adultos, 38 de ginecologia, 94 de estomatologia e submetidos 354 em análises laboratoriais de diagnóstico rápido.

Referiu que, pessoas com idades entre os zero a 14 anos e gestantes foram as que mais acorreram á feira para consultas de clínica geral, cardiologia, pediatria, ginecologia, urologia, ortopedia e fisioterapia, bem como procedeu-se a distribuição das redes de mosquiteiros como parte do programa Stop Malária da Unitel.

Acrescentou que, durante a feira, foram ainda testados 52 cidadãos contra VIH – Sida, 10 pacientes em consultas de ginecologia e 218 crianças vacinados contra BCG, pentavalente, rota vírus, sarampo, febre-amarela e hepatite B.

O director considerou positivo os resultados obtidos pela feira, garantida por 24 médicos, igual número de enfermeiros de distintas especialidades e mais de 30 agentes comunitários e escuteiros, apesar da forte chuva que se abateu na tarde desta terça-feira sobre a região do Alto Catumbela.

Albano Weia salientou que o seu sector continua a desenvolver um conjunto de acções para elevar a educação e comunicação de todas as comunidades, através de trabalhos anti-vectorial, pulverizações residuais intra e extra domiciliar, tratamento de criadores, testagens rápidas e assistência de doentes nas respectivas áreas de jurisdição.

Frisou que a acção é assegurada por activistas comunitários que efectuam esclarecimento à população nos bairros periféricos, Alto Catumbela, Babaera e Casseque, sobre a importância do uso de mosquiteiro, cuidados de higiene, individual e colectivos, face a prevenção da malária e redução dos índices de mortes por esta doença.

Por outro lado, Albano Weia revelou que nos últimos 20 dias deste mês foram notificados mil e 560 casos de malária, menos mil e 940 em relação a igual período anterior, cuja chegada da época chuvosa tem contribuído para o aumento de casos nas unidades sanitárias da região.

A segunda edição da feira da Saúde Unitel/2018, depois da Ganda, decorre hoje (quarta-feira), no município do Cubal, devendo ser extensiva até a região da Catumbela (Benguela).

De acordo com uma fonte da organização, a primeira Feira da Saúde Unitel em Angola foi organizada em 2015, e chega a Benguela depois de já ter acontecido nas províncias do Moxico, Lunda-Norte, Huambo, Cabinda, Cuanza-Sul, Huíla e Cuando Cubango.

Leia também
  • 05/02/2019 13:14:23

    Picadas de escorpião preocupam serviços de urgência do HGB

    Benguela - Setecentos e seis pacientes, sete dos quais vítimas de picadas de escorpião, foram atendidos no fim-de-semana prolongado, pelos serviços de urgência do Hospital Geral de Benguela, soube hoje, terça-feira, a Angop de fonte sanitária.

  • 28/01/2019 19:39:41

    Projecto "Ame a Vida" assiste mais de mil homossexuais e trabalhadoras do sexo

    Benguela - Mil e 125 pessoas, entre homossexuais e mulheres trabalhadoras do sexo, localizadas na província de Benguela, aderiram aos serviços de aconselhamento, testagem do VIH-Sida, rastreiro das ITS e da tuberculose, no âmbito do projecto "Ame a Vida", numa iniciativa da Organização de Interacção Comunitária (OIC).

  • 28/01/2019 12:08:42

    Mais de cem pacientes com insuficiência renal assistidos em 2018 no Lobito

    Lobito - Cento e quarenta e um pacientes com insuficiência renal aguda e crónica foram assistidos em 2018, no centro de hemodiálise do Hospital Geral do Lobito, na província de Benguela, mais nove em relação ao ano de 2017.

  • 26/01/2019 09:16:50

    Angola regista 618 novos casos de lepra

    Benguela - O secretário de Estado para Saúde Pública, José Viera Dias da Cunha, informou nesta sexta-feira, na cidade de Benguela, que o país conta com 618 novos casos de lepra, correspondente a uma taxa de detecção de 2.17 porcento por 100 mil habitantes.