Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

08 Janeiro de 2019 | 11h38 - Actualizado em 08 Janeiro de 2019 | 11h39

Administração de Camacupa com mais de 88 milhões de kwanzas para medicamentos

Camacupa - Oitenta e oito milhões 149 mil e 29 Kwanzas é o valor que Administração de Camacupa, a 82 quilómetros a Leste da cidade do Cuito (Bié), prevê gastar para a compra de medicamentos e material gastável, para melhorar o atendimento dos enfermos nas unidades sanitárias.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

A informação foi avançada nesta terça-feira à Angop pela administradora municipal de Camacupa, Alcida de Jesus Camatele, sublinhando que, em relação ao ano anterior (2018), há um aumento de 16 milhões de Kwanzas.

O município de Camacupa, centro geodésico de Angola, possui 154 mil e 922 habitantes e conta com 15 unidades sanitárias, dos quais um hospital, quatro centros de saúde e 10 postos de saúde.

Sem avançar as reais quantidades, entre os fármacos constam antibióticos, analgésicos, anti- palúdicos, bem como diverso material gastável.

A malária, doenças diarreicas e respiratórias agudas, febre tifóide, infecções de transmissão sexual, cólicas abdominais, doenças da pele, gastrites são entre as várias doenças mais tratadas nos hospitais locais, asseverou.

Pediu, no entanto, as famílias no sentido de valorizarem as normas dos cuidados primários de saúde, com destaque para a  melhoria do saneamento básico do meio, uso de mosquiteiros tratado com insecticida e outros.

Os serviços são assegurados por 244 trabalhadores (médicos, enfermeiros e funcionários administrativos).

Assuntos Província » Bié   Sociedade  

Leia também
  • 08/01/2019 05:09:59

    Campanha "Nascer Livre para Brilhar" lançada no Bié

    Cuito - A campanha denominada "Nascer Livre para Brilhar", que visa eliminar a transmissão da doença do VIH de mãe para o filho foi lançada segunda-feira, na Cuito (Bié) pela esposa do governador da província, Catarina Alfredo.

  • 04/01/2019 16:15:57

    Raiva mata mais de trinta pessoas no Bié

    Cuito - Trinta e seis pessoas morreram de raiva na província do Bié, em 2018, mais 22 óbitos em relação a 2017, informou hoje, sexta-feira, na cidade do Cuito, o director do Gabinete da Saúde da região, João Cacungula.

  • 31/12/2018 14:18:15

    Hemoterapia do Bié sem sangue para pacientes

    Cuito - A Secção de Hemoterapia do Hospital Provincial do Bié está sem sangue para assistir os pacientes que acorrerem à unidade sanitária durante a noite de passagem de ano, informou, nesta segunda-feira, no Cuíto, o chefe adjunto da instituição sanitária, Álvaro Suares.