Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

30 Janeiro de 2019 | 11h15 - Actualizado em 30 Janeiro de 2019 | 15h48

Hospital do Soyo sem serviços de cardiologia e ortopedia

Soyo - Os serviços de cardiologia e ortopedia no hospital municipal do Soyo, província do Zaire, encontram-se paralisados há mais de um ano por falta de médicos.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Zaire: Vista frontal do Hospital Municipal do Soyo

Foto: João F. Cuti

O director clínico da referida unidade sanitária, António Nzinga, que prestou a informação hoje à imprensa, disse que a ausência desses serviços naquela maior unidade sanitária da circunscrição tem obrigado os pacientes a recorrerem à outras regiões do país.

Sem avançar números, a fonte disse que o hospital local regista diariamente muitos casos de pacientes com problemas cardiovasculares e fracturas, estes últimos derivados por acidentes de viação, que são transferidos, na sua maioria, para as províncias de Cabinda e Luanda.

Explicou que os dois médicos cardiologistas e um ortopedista de nacionalidades russa e  coreana que atendiam esses casos naquele hospital terminaram o seu contrato de trabalho há mais de um ano.

De acordo ainda com a fonte, o hospital municipal do Soyo clama também por serviços de urologia, oftalmologia e otorrinolaringologia, que nunca funcionaram naquela unidade sanitária.

Para o efeito, António Nzinga pediu às entidades competentes a envidarem esforços para o envio de mais médicos, visando garantir o normal funcionamento do hospital municipal.

Com capacidade de 170 camas, o hospital municipal do Soyo funciona com 16 médicos e 115 enfermeiros. A unidade sanitária presta serviços nas áreas de imagiologia,  estomatologia, bloco operatório, pediatria, maternidade, entre outros serviços.

O município do Soyo tem uma população estimada em 227 mil e 175 habitantes.

Leia também
  • 05/02/2019 17:22:41

    Técnicos de saúde aprimoram conhecimentos sobre eficácia dos anti-palúdicos

    Mbanza Kongo - Dezasseis técnicos de saúde no município de Mbanza Kongo, província do Zaire, estão desde hoje, terça-feira, a ser capacitados sobre o estudo de eficácia dos anti-palúdicos.

  • 04/02/2019 06:38:08

    Uíge com serviço de tele-medicina

    Uíge - A província do Uíge vai ter, muito brevemente, alguns pontos de serviço de tele-medicina para assistir pacientes, atendendo a falta de médicos especialistas em certas áreas da medicina, anunciou domingo, nesta cidade, a ministra da Saúde, Sílvia Lutukuta.

  • 31/01/2019 11:05:50

    Luanda intensifica luta contra vector da malária

    Luanda - O Governo Provincial de Luanda vai, de 5 a 28 de Fevereiro, intensificar a luta anti-vectorial da malária em todos os municípios da capital angolana, para reduzir o impacto da doença na população.