Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

31 Maio de 2019 | 20h31 - Actualizado em 31 Maio de 2019 | 20h39

Médico desincentiva consumo do tabaco

Menongue - O médico Ntoya Lufuma desincentivou hoje, sexta-feira, em Menongue, província do Cuando Cubango, os estudantes a absterem-se do uso do tabaco, por prejudicar a saúde da pessoa a médio e longo prazo.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

O especialista condenou esse vício quando orientava uma palestra alusiva ao 31 de Maio, Dia Mundial Sem Tabaco, realizada no anfiteatro do Instituto Técnico Médio de Saúde, tendo apontado o uso do cigarro como um dos principais causador de doenças graves.

Lembrou que o consumo do cigarro provoca o câncer do pulmão, da laringe, do esófago, do estômago, do pâncreas, do fígado, do colo do útero, bem como doenças do aparelho respiratório e cardiovasculares, que podem provocar a morte do fumador.

Salientou que o sector da Saúde da província do Cuando Cubango tem sensibilizado a população no sentido de evitar o uso do tabaco e a enveredar por hábitos saudáveis, como a prática de desporto.

Namibe

O Instituto Nacional da Luta Contra as Drogas (INALUD) no Namibe vai continuar a realizar campanhas e palestras de sensibilização dirigida a estudantes e outros jovens para desencoraja-los do uso do tabaco, por ser um produto tóxico ao organismo humano.

Esse pronunciamento foi feito hoje, na cidade de Moçâmedes, província do Namibe, pelo representante INALUD Do Namibe, Viegas Rodrigues, tendo referido que o uso do tabaco tem provocado doenças aos fumadores da região, como a tuberculose.

“O instituto definiu como prioridade das suas estratégias a promoção de campanhas de sensibilização e prevenção contra o tabagismo e outras drogas, por via de palestras nas comunidades, concursos de redacção nas escolas, entre outros métodos para alertar a população sobre o perigo do consumo destes produtos entorpecentes”, ressaltou.

Cunene

A médica do Hospital Geral de Ondjiva, província do Cunene, Eufrásia Oliveira referiu que a nicotina contida no fumo do cigarro provoca a perda de humor e a falta de apetite do fumador.

Acrescentou que o cigarro é uma droga causadora de doenças como infecções respiratórias, cardiovasculares, câncer pulmonar, provoca ainda o enfraquece do cabelo, envelhecimento precoce e impotência sexual aos fumadores activos e passivos.

Já o director provincial do Instituto Nacional de Defesa do Consumidor (INADEC) do Cunene, Bernardo Hilundilwa, asseverou que o uso do cigarro em locais públicos deve ser evitados, por constituir um atentado à saúde pública.

Leia também
  • 31/05/2019 16:24:17

    Saúde promove campanha porta-a-porta contra o sarampo

    Saurimo - Uma busca activa nos bairros, residências e locais de maior concentração populacional está a ser levada a cabo desde hoje, sexta-feira, em Saurimo (Lunda Sul), pelas autoridades sanitárias para se vacinar os petizes contra o sarampo.

  • 31/05/2019 15:59:28

    Mais de 900 enfermeiros esperam pelo novo concurso público

    Saurimo - Novecentos e 41 enfermeiros de nível superior, médio e básico esperam pelo novo concurso público para o ingresso nas unidades sanitárias da província da Lunda Sul, afirmou hoje, sexta-feira, em Saurimo, o presidente do Conselho provincial da Ordem dos Enfermeiros, Miguel Daniel.

  • 31/05/2019 14:50:53

    Cigarro - um assassino silencioso

    Luanda - Prazer, moda, imitação ou problemas emocionais? Afinal, o que leva milhares de cidadãos a terem o cigarro como substância de "elite" para aliviar o stress diário?