Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

04 Setembro de 2019 | 14h40 - Actualizado em 04 Setembro de 2019 | 15h18

Sarampo causa cinco mortes em Capenda Camulemba

Capenda Camulemba - Cinco pessoas morreram vítimas do surto de sarampo que se regista desde Agosto do ano em curso, no município de Capenda Camulemba, 600 quilómetros da cidade do Dundo (Lunda Norte), soube hoje, quarta-feira, a Angop.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Vacina contra o sarampo (Arquivo)

Foto: Pedro Parente

A propósito, em declarações à Angop, o director do Gabinete Provincial da Saúde na Lunda Norte, Gime Nhunga, informou que de Agosto a presente data já foram notificados 31 casos em crianças e adultos, sendo que diariamente são atendidos, em média, cinco pacientes no hospital local.

Esclareceu que os cinco óbitos são extra-hospitalares.

Sem avançar números, disse que para contornar a situação, para além da campanha intensiva de vacinação nas escolas, mercados e em todas unidades sanitárias, foi reforçada a equipa de técnicos que está a prestar assistência a pacientes com sarampo no município.

Disse que decorrem em todos os municípios campanhas de vacinação de rotina contra a doença, apelando os pais e encarregados de educação a levarem seus filhos para serem vacinados.

O Sarampo é uma doença altamente contagiosa, causada pelo vírus do sarampo (Measles morbillivirus), cujos sinais e sintomas iniciais geralmente incluem febre, tosse, corrimento nasal e olhos inflamados.

Transmite-se facilmente por via aérea através da tosse e espirros de uma pessoa infectada, contacto com a saliva ou secreções nasais.

Em Março deste ano foram registados casos da doença na fronteira do Luau, Moxico, com a República Democrática do Congo (RDC), que se alastrou até ao município do Lucapa (Lunda Norte) prontamente controlada pelas autoridades sanitárias.

Leia também
  • 03/09/2019 22:25:13

    Reduzido mortes por má nutrição no Bié

    Cuito - Pelo menos cento e quatro pessoas morreram, no primeiro semestre deste ano (2019), vítimas de má nutrição, nas unidades hospitalares da província do Bié, menos 85 casos em relação ao igual período de 2018.

  • 02/09/2019 13:26:42

    Pacientes com tuberculose abandonam tratamento

    Dundo - Vinte e oito pacientes de um total de três mil e 232 abandonaram o tratamento no hospital sanatório do Sacavula de Janeiro a Julho do ano em curso, optando pela medicação tradicional, soube hoje (segunda-feira), a Angop.

  • 28/08/2019 15:51:02

    Recuperadas mais de 400 crianças com má nutrição

    Cuito - Quatrocentas e dezanove crianças, das 539 registadas, que padeciam de má nutrição severa, foram recuperadas no primeiro semestre do ano em curso, no Centro Nutricional Terapêutico, na cidade do Cuito, província do Bié.