Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

02 Janeiro de 2020 | 13h55 - Actualizado em 03 Janeiro de 2020 | 10h14

Mais de três mil petizes nascem no 1.º dia do ano

Luanda - Três mil e 740 bebés nasceram em Angola no primeiro dia de 2020 (1 de Janeiro), estima um comunicado do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF).

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Logotipo do UNICEF

Foto: Divulgação

Os bebés angolanos serão responsáveis por quase um por cento dos estimados 392 mil e 78 petizes nascidos nesse dia.

Segundo a nota, foi em Fiji, no pacífico, onde provavelmente nascesse o primeiro bebé de 2020, e o último terá nascido nos Estados Unidos da América (EUA).

Globalmente, estima-se que mais da metade desses nascidos ocorreram em oito países, como índia (67 mil 385 bebés), China (46 mil 299), Paquistão (16 mil 787), Indonésia (13 mil 020), EUA (10 mil 452), RDC (10 mil 247) e Etiópia (8 mil 493).

Todos os anos, em Janeiro, o UNICEF celebra os bebés nascidos no ano novo, um dia promissor para o nascimento de crianças.

No entanto, para milhões de recém-nascidos, em todo o mundo, não se trata de um dia favorável.

Em 2018, 2,5 por cento milhões de recém-nascidos morreram no primeiro mês de vida, pelo menos um terço deles no primeiro dia em que vieram ao mundo.

Entre essas crianças, a maioria morreu de causas que poderiam ser evitadas, como parto prematuro, complicações durante o parto e infecções como sepse.

De igual modo, mais de 2,5 milhões de bebés nascem mortos a cada ano.

Na nota, o UNICEF refere que, nas últimas três décadas, o mundo viu um progresso notável na sobrevivência infantil, reduzindo em mais de metade o número de crianças que morreram antes do quinto aniversário.

Porém, houve um progresso mais lento para os recém-nascidos, os bebés que morreram no primeiro mês representam 47 por cento de todas as mortes entre crianças em 2018, contra 40 por cento em 1990.

Assuntos Criança   Sociedade   UNICEF  

Leia também
  • 28/12/2019 10:32:57

    Níveis de prevalência de HIV-Sida reduzem no Cuanza- Norte

    Ndalatando - A província do Cuanza Norte registou uma redução dos níveis de prevalência do VIH-Sida de 3,2 (em 2018) para 2,35 (em 2019), fruto das acções das autoridades locais viradas ao reforço de sensibilização e da assistência às pessoas portadoras da doença.

  • 28/11/2019 22:28:49

    Reeleito Bastonário da Ordem dos Enfermeiros de Angola

    Cuito - O bastonário da Ordem dos Enfermeiros de Angola (ORDENFA), Paulo Luvualo, foi reeleito com 89 porcento de votos a favor.

  • 15/11/2019 13:36:13

    Unicef doa produtos de combate a má nutrição

    Cuito - Mil e 481 caixas de leite terapêutico e outros produtos de combate a má nutrição foram entregues hoje (sexta-feira), ao departamento provincial de Saúde Pública do Bié, pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef).