Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

20 Janeiro de 2020 | 09h26 - Actualizado em 20 Janeiro de 2020 | 12h28

Lunda Sul necessita de 150 médicos

Saurimo - A província da Lunda Sul necessita de 150 médicos de diversas especialidades, para corresponder à demanda nas unidades sanitárias da região.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Três novos médicos angolanos especializados em Ginecologia e Obstetrícia reforçaram o sector da Saúde no município de Saurimo, no último fim-de-semana.

Em declarações hoje (segunda-feira) à Angop, no quadro da visita do governador da província, Daniel Neto, às unidades sanitárias da região, o director do Gabinete Provincial da Saúde, António Viegas, disse que, para ultrapassar tal situação, se aguarda pela conclusão do concurso público de admissão, que prevê para a região 259 vagas.

O responsável explicou que, fruto dos contactos mantidos junto do Ministério da Saúde, a província vai receber, em breve, novos equipamentos de trabalho, com destaque para camas, cadeiras, marquesa, mesas, armários clínicos, tábua de inversão e cadeiras ergonómicas, com vista a suprir algumas dificuldades existentes no sector.

A Lunda Sul conta com apenas 50 médicos, 20 dos quais são especializados em cirurgia, ortopedia, neurocirurgia, ginecologia e obstetrícia, facto que tem contribuído para a melhoria da assistência médico-sanitária.

O governador da Lunda Sul, Daniel Neto, passou, em revista, todas as salas de internamento do Hospital Geral da Lunda Sul, trocou impressões com os pacientes e visitou os espaços reservados para incineradores de resíduos hospitalares.

Sem promessas, revelou que o Governo tudo fará para melhorar as condições dos técnicos de saúde e das unidades sanitárias, sublinhando estar em curso a construção de uma morgue com capacidade para 42 corpos.   

Apelou aos técnicos para serem mais humanistas no tratamento dos doentes.

A província conta com 112 unidades sanitárias, entre hospitais, postos e centros de saúde, nos quais funcionam 788 especialistas.

Leia também
  • 17/01/2020 20:50:26

    Cinco milhões de crianças tomam vacina contra poliomielite

    Luanda - Cinco milhões de crianças foram vacinadas no país em 2019 contra a poliomielite, durante campanhas promovidas pelo Ministério da Saúde, informou, nesta sexta-feira, em Luanda, a titular da pasta do sector, Sílvia Lutucuta.

  • 16/01/2020 14:43:38

    Assinado acordo de cooperação no domínio da enfermagem

    Luanda - Um acordo de cooperação técnica educacional foi formalizado hoje (quinta-feira) entre a Ordem dos Enfermeiros de Angola (ORDENFA) e o Conselho Federal de Enfermagem do Brasil (COFEN), com a finalidade de reforçar as relações bilaterais e o intercâmbio técnico-profissional.

  • 16/01/2020 13:02:38

    Novos médicos reforçam sector na Lunda Sul

    Saurimo - Três novos médicos angolanos especializados em Ginecologia e Obstetrícia reforçam desde hoje (quinta-feira) o sector da saúde, no município de Saurimo, província da Lunda Sul.